🐪 » Viagem de grupo 7 dias em Marrocos por 430 Euros » Marrakech até Deserto do Saara » Mais info em MARROCOS.COM « 🐪

🌍 Visitar Tomar, Guia de Viagem – Dicas, Roteiros, Mapas, Fotos

Actualizado em 17 Agosto, 2017

Quer visitar Tomar?

VISITAR TOMAR

VISITAR TOMAR

Guia de Viagem a Tomar

Tomar é conhecida por cidade dos Templários, pois foi oferecida à Ordem dos Templários por Afonso D. Henriques após a conquista aos Mouros em 1147. O Castelo dos Templários e o Convento de Cristo (com a famosa janela em estilo Manuelino) são dos monumentos mais importantes da história de Portugal.

Nesta página você encontra:

  • Visitar Tomar – o mais importante a saber
  • Dicas rápidas para Tomar
  • Vídeo de Tomar
  • Os 16 Melhores Locais de Tomar
  • O que visitar em Tomar
  • Mapa dos Monumentos de Tomar
  • Fotos de Tomar
  • Alojamento em Tomar
  • Celebrações e Feriados em Tomar
  • Roteiros em Tomar: 1 dia, 2 dias, 3 dias

Visitar Tomar – O importante a saber

TOMAR, PORTUGAL

TOMAR, PORTUGAL

A cidade de Tomar localiza-se a cerca de 100 km a norte de Lisboa, sendo uma excelente base para quem visita o país. Para além do ambiente agradável do seu centro histórico, com ruelas românticas e um riquíssimo património histórico, o Castelo de Tomar e o Convento de Cristo, um conjunto considerado Património Mundial da Humanidade pela UNESCO. Para além dos elementos evidentes, Tomar tem muito para oferecer: o rio Nabão é lindíssimo, podendo-se fazer passeios junto às suas margens até bem fora da cidade e os parques municipais usam este curso de água para manter agradáveis espaços verdes muito apreciados pelos habitantes da cidade. Por outro lado o panorama cultural tem crescido nos últimos anos, com múltiplos eventos que se têm juntado à tradicional Festa dos Tabuleiros, que ocorre em Junho. A gastronomia é outro dos atractivos de Tomar, com especialidades regionais a serem servidas numa série de interessantes restaurantes espalhados pelas ruas do centro. Além disso, a partir de Tomar alcançam-se facilmente outros locais de interesse na área, como o Castelo de Almourol, o Mosteiro da Batalha e o Mosteiro de Alcobaça (ambos Património Mundial da Humanidade UNESCO) e uma série de pitorescas aldeias e pequenas cidades.

AQUEDUTO DE TOMAR

AQUEDUTO DE TOMAR

O Aqueduto dos Pegões é uma infra-estrutura magistral é pouco conhecida apesar da sua imponência. Fica perto de Tomar sobre o Vale da Ribeira de Pegões. Foi construído para abastecer de água o Convento de Tomar. A sua construção começou em 1593 e ficou concluído em 1614. O aqueduto estende-se por 6 km, com 58 arcos de volta inteira sobre 16 arcos ogivais apoiados em pilares. Apresenta uma altura máxima de 30 metros. E o melhor é que se pode percorrer este aqueduto livremente, um passeio surpreendente e uma experiência única.

GUIA DE TOMAR

GUIA DE TOMAR

Dicas rápidas para Tomar:

  • Acorde cedo e seja o primeiro a entrar nos monumentos, museus ou outros locais de interesse
  • O Aqueduto dos Pegões fica fora da cidade mas vale a pena visitar. Pode subir ao topo.
  • O Convento de Cristo é um dos edifícios mais bonitos do mundo. Prepare-se para visitar com atenção.

Para saber quando ir à Tomar você precisa de se informar um pouco melhor acerca das suas estações e clima. A melhor altura para visitar a Tomar é entre Abril e Setembro, momento em que as temperaturas se encontram amenas em todo o país.

CASTELO DE TOMAR

CASTELO DE TOMAR

Vídeo de Tomar

Vídeo muito bom para podermos ver as diferentes partes turísticas desta cidade.

Os 16 Melhores Locais de Tomar
  1. Convento de Cristo
  2. Castelo de Tomar
  3. Igreja de São João Batista
  4. Sinagoga de Tomar
  5. Igreja de Santa Maria dos Olivais
  6. Aqueduto dos Pegões
  7. Mata Nacional dos Sete Montes
  8. Núcleo de Arte Contemporânea
  9. Barragem do Castelo de Bode
  10. Ermida de Nossa Senhora da Conceição
  11. Casa dos Cubos
  12. Museu Hebraico Abraão Zacuto
  13. Palácio de Alvaiázere
  14. Largo do Pelourinho
  15. Mouchão Parque
  16. Monumento com Brasão Nacional

O que visitar em Tomar

TOMAR

TOMAR

1- Convento de Cristo

O Convento de Cristo é o local mais significativo de Tomar, sendo considerado Património Mundial da Humanidade pela UNESCO. Foi fundado pelos Cavaleiros Templários em 1118, num local já usado pelos Romanos para fins religiosos, mas a sua construção gradual prosseguiu até ao século XV, com a obra final a revelar influências dos estilos Românico, Gótico, Manuelino e Renascentista. Em 1190 foi cercado e atacado por um exército mouro, mas resistiu. Com o fim dos Cavaleiros Templários, em 1319, o Convento e as propriedades envolventes transitaram para a posse de uma nova Ordem, a dos Cavaleiros de Cristo. Ao longo dos séculos o Convento de Cristo foi palco de inúmeros eventos históricos e peripécias, mas chegou até nós sem grandes alterações. Hoje em dia está aberto ao público sendo o seu ponto mais famoso a janela da Casa do Capítulo, criada por Diogo de Arruda em 1513.

2- Castelo de Tomar

O Castelo encontra-se ao lado do Convento de Cristo, tendo sido fundado em 1160 por Gualdim Pais. A área interior do castelo era dividida em três espaços distintos: a sul, onde hoje se encontra um laranjal, encontrava-se o aldeamento; para norte, no ponto mais elevado, o quartel-general militar dos Templários; a Este, a Alcácova e a sua torre dominante, assim como o oratório dos Cavaleiros. Note-se que as torres circulares existentes na muralha exterior foram na sua época uma novidade, fazendo aqui a sua primeira aparição em Portugal. Destas torres usufrui-se de excelentes vistas sobre a cidade de Tomar. O castelo pode ser visitado todos os dias, com entrada livre aos Domingos.

3- Sinagoga de Tomar

Localizada no emaranhado de ruas que constituem o centro histórico da cidade de Tomar, a sinagoga (Rua Dr. Joaquim Jaquinto nº 73) data de meados do século XV, tendo sido efectivamente utilizada durante cinquenta anos, antes da expulsão dos Judeus decretada pelo rei D. Manuel em 1497. Passou para mãos privadas, depois foi cadeia de Tomar. No início do século XVII parece ter sido usada como capela e no século XIX era um armazém. Em 1921 foi classificada como Monumento Nacional e dois anos depois o proprietário vendeu-a a Samuel Schwarz, um polaco que restaurou a sinagoga e realizou as primeiras escavações. Em 1939 Schwarz trocou a propriedade pela cidadania portuguesa e desde esse ano que funciona como museu. Note-se que a fachada não existia quando o edifício funcionava como sinagoga. Nessa época a entrada era o arco gótico que está virado a Este, a direcção de Jersusalém.

4- Igreja de São João Baptista

Esta igreja está localizada no ponto mais central de Tomar, a praça do Município, partilhando o espaço com o edifício da Câmara Municipal. A igreja de três naves foi construída no século XV e renovada no século seguinte. É dedicada a São João Baptista e caracteriza-se pela arquitectura predominantemente manuelina. Foi classificada como Monumento Nacional em 1910. O visitante deverá atentar no belo pórtico Gótico, na torre sineira em estilo Manuelino adicionada no século XVI, na decoração dos capitéis das colunas interiores da nave e nos painéis criados em 1530 pelo Renascentista Gregório Lopes e nos azulejos do século XVII com padrão em forma de diamante que adornam as paredes interiores.

5- Igreja de Santa Maria dos Olivais

Esta igreja foi inicialmente construída no século XII pelo Templário Gualdim Pais num local onde existira um pequeno mosteiro do século VII e foi usada como local de enterro dos Cavaleiros dessa Ordem e, mais tarde, dos da Ordem de Cristo. O próprio Gualdim Pais repousa na cripta da igreja, o seu túmulo datado de 1195 em perfeito estado de conservação. A igreja de três naves que ali vemos hoje é basicamente o resultado de uma obra de remodelação efectuada no século XIII, em estilo gótico, com uma janela em forma de rosa na fachada. Mais tarde, no século XVI, houve uma ampliação que estende o edifício um pouco para Sul. No interior, destaque para a estátua da Virgem Maria e do Menino, colocada no altar principal, e para o monumento funerário de Diogo Pinheiro, de 1525. Em 1940 foram levadas a cabo necessárias obras de restauro.

TOMAR

TOMAR

6- Aqueduto dos Pegões

O aqueduto dos Pegões foi construído entre 1593 e 1693, com a finalidade de abastecer de água o Convento de Cristo. Foi concebido pelo arquitecto italiano Filippo Terzi e estende-se por cerca de 6 km, contando com 180 arcos, alguns deles de altura considerável, chegando aos 30 metros. Pode ser acedido em vários locais e é da estrada que segue para Leiria, a cerca de 2,5 km de Tomar, que um visitante pode obter a melhor perspectiva da estrutura. Em ambas as extremidades existem casas com uma vasta pia no centro, que servia para a filtragem das águas.

7- Mata Nacional dos Sete Montes

Acede-se à Mata directamente desde o centro de Tomar. É uma enorme área, de 39 hectares, totalmente murada, cujo acesso é controlado, podendo ser visitada das 8 da manhã à 8 da noite. Encontrava-se ligada ao Castelo e ao Convento de Cristo, sendo usada pelos Cavaleiros para cultivo e para retiro e reflexão. Hoje em dia oferece um jardim bem cuidado, com muitas roseiras e outros ornamentos botânicos, que se estende por um par de centenas de metros, e depois o visitante é deixado num espaço de mata pura, sem grande interferência humana. É um espaço muito popular para os nabantinos (nome dado aos naturais de Tomar) que ali fazem desporto e convivem. A entrada é gratuita.

8- Parque do Mouchão

O Parque do Mouchão é um encantador jardim público localizado bem no centro de Tomar, rodeado por todos os lados de água, quer do curso natural do rio Nabão, quer de canais artificiais ali construídos para conduzir a água aos Moinhos do Rei. É um local que oferece frescura nos dias quentes de Verão, com árvores frondosas que cobrem o espaço de sombra. Junto à entrada principal do parque observa-se uma bonita roda de água, evocativa da tradição da região que ainda no século passado mantinha muitas destas rodas em funcionamento. O parque conta com uma pousada, a Estalagem de Santa Iria.

9- Ermida de Nossa Senhora da Conceição

Esta pequena ermida pode ser encontrada numa elevação mas em cota mais baixa do que o Castelo e o Convento de Cristo, que lhe estão próximos. Trata-se de um dos melhores exemplares de estilo Renascentista em Portugal e foi erigida como panteão para o rei D. João III, um plano que não se chegou a concretizar. A sua construção iniciou-se em 1551, tendo sido terminada em 1573, tendo João de Castilho, Diogo de Torralva e Filippo Terzi como arquitectos. Tem três naves ladeadas de colunas coríntias. Em 1966 foram levados a cabo trabalhos de ampliação e restauro e desde então a Ermida tem merecido alguma atenção por parte das autoridades competentes.

10- Largo do Pelourinho

Apesar do nome evocar tempos distantes, a designação de Largo do Pelourinho é recente, tendo começado a utilizar-se em 1940, quando um grupo de nabantinos financiou a reconstrução do pelourinho que no século XVIII se encontrava na Praça da República. E foi assim que a antiga Praça Cândido dos Reis passou a Largo do Pelourinho, continuando a ser conhecido pelo centenário nome de Várzea Grande. Foi requalificado ao longo dos últimos anos, tendo sido vedado ao trânsito automóvel em 2014. Destacam-se no largo um par de edifícios antigos, do século XVII e XIX. O Largo está classificado como Imóvel de Interesse Público desde 1933.

11- Núcleo de Arte Contemporânea

O Núcleo de Arte Contemporânea José Augusto França, localizado na rua Gil Avô, foi inaugurado em 2004, trazendo ao público exposições de arte contemporânea portuguesa. O destaque vai para os autores surrealistas, grupo onde se enquadra José Augusto França, que doou ao museu uma boa parte da sua colecção. O espólio inclui ainda pinturas, desenhos, esculturas e fotografias que representam correntes artísticas como o Modernismo, o Surrealismo, o Abstracionismo e a Nova-Figuração. A peça mais antiga data de 1932. Aberto de Quarta-feira a Domingo, de manhã e de tarde, com entrada gratuita. Pode ser necessário marcação prévia junto dos serviços museológicos da Câmara Municipal.

Roteiros em Tomar

ROTEIRO TOMAR

ROTEIRO TOMAR

Algumas ideias de roteiros para você preparar as suas férias em Tomar de maneira independente. Itinerários de turismo em Tomar em Portugal.

1 Dia em Tomar: passo-a-passo
Manhã: Brevemente…
Tarde: Brevemente…
2 Dias em Tomar: passo-a-passo
Dia 1 Manhã: Brevemente…
Dia 1 Tarde: Brevemente…

Dia 2 Manhã: Brevemente…
Dia 2 Tarde: Brevemente…

Procura um Hotel em Tomar? Hotéis em Tomar

Siga no Twitter, Facebook, Instagram e Pinterest. Partilhe esta página e deixe o seu comentário.


Deixe o seu comentário aqui:

João Leitão - O autor do blog:

VIVA! Sou o João - blogger de viagens. Com 20 anos de experiência como viajante independente, explorei mais de 128 países em África, Antártica, Ásia, Europa, América do Norte e Central, América do Sul e Oceânia. Bem-vindos ao meu blog de viagens, onde partilho informação prática de viagem para o motivar a sair de casa! Siga nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram, Pinterest e YouTube.

Kit de Viagem:

  • Onde eu reservo alojamento? Encontre os melhores hotéis e promoções através do Booking.com
  • Eu reservo sempre o meu carro online através do Rentalcars.com
  • Quer estar prevenido? Faça o seu seguro de viagem através do Worldnomads.com
  • 7 dias em Marrocos 430 euros desde Marrakech até ao Deserto do Saara através do Marrocos.com
  • Quer viajar e ter sempre Internet? Faça como eu e compre o aparelho da SkyRoam.com
* Esta página tem links de afiliados. Quando você reserva algo através deste blog, eu retenho uma pequena comissão que não altera o preço final. Obrigado!

Blog de viagens mencionado em:

Blog de viagens nos Media

« Seguir @joaoleitaoviagens no Instagram »