🐪 Venha conhecer Marrocos « Viagem de grupo 7 dias por 430 Euros » Marrakech até Deserto do Saara 🐪

Visitar Camberra, Guia de Viagem – Dicas, Roteiros, Mapas, Fotos

João Leitão
Actualizado em 9 Julho, 2018

Quer visitar Camberra (Canberra)?

VISITAR CAMBERRA

VISITAR CAMBERRA

Guia de Viagem a Camberra

Apesar de ter apenas 435 mil habitantes e se encontrar na oitava posição na lista de cidades mais populosas da Austrália, Camberra é a capital política do país. A área onde hoje se encontra a cidade foi habitada por aborígenes e, desde 1820, por colonos europeus, mas foi em 1908 que se decidiu localizar aqui a capital australiana, o que pretendia ser uma solução de consenso entre as grandes Sydney e Melbourne. Ao contrário do que é costume na Austrália, Camberra foi urbanisticamente planeada, seguindo um projecto do norte-americano Walter Burley Griffin. Não tem a riqueza histórica das grandes cidades australianas e quase todos as referências arquitectónicas datam da década de 30 do século XX. Mas terá mesmo assim pontos de interesse suficientes para entreter um visitante durante alguns dias, com especial destaque para a gama de museus existentes na cidade e para as oportunidades de contactar com a Natureza que envolve a cidade. Visitar a Austrália e não passar por Camberra, é deixar para trás um destino importante que vale a pena conhecer.

Nesta página você encontra:

  • Visitar Camberra – o mais importante a saber
  • Dicas rápidas para Camberra
  • Vídeo com imagens aéreas de Camberra
  • Os 10 Melhores Locais de Camberra
  • O que visitar em Camberra
  • Mapa dos Monumentos de Camberra
  • Mapa do de Camberra
  • Fotos de Camberra
  • Alojamento em Camberra
  • Alugar carro em Camberra
  • Celebrações e Feriados em Camberra
  • Roteiros em Camberra: 1 dia, 2 dias, 3 dias

Visitar Camberra – O importante a saber

CAMBERRA, AUSTRÁLIA

CAMBERRA, AUSTRÁLIA

O concurso para construção da cidade de Camberra foi ganho pelos arquitectos Walter Burley Griffin e Marion Mahony Griffin. Este planeamento é bem visível na estrutura da cidade, com ruas e avenidas estrategicamente desenhadas, muitas zonas verdes e até um lago artificial para embelezar a cidade – Burley Griffin – que foi construído graças a uma represa no rio Molonglo. No lago existe ainda uma pequena ilha – Ilha de Aspen – também ela artificial, que é uma tranquila zona verde e onde se situa o Carrilhão Nacional (National Carillon) que oferece concertos frequentes.

Nos arredores da cidade, em Black Mountain existe uma torre de comunicações – Telstra Tower – que funciona como miradouro, de onde se pode avistar toda a cidade de Camberra. Antes da colonização europeia a região era habitada pelas tribos Ngunnawal e Walgalu. Se gosta de saber mais acerca da história destes povos irá encontrar várias exposições nos museus da cidade como o Museu Nacional ou a Galeria Nacional da Austrália.

Entre muitos monumentos, os dois edifícios do parlamento, o velho e o novo, são os edifícios mais emblemáticos da cidade. Visto do lago os dois edifícios enquadram-se como que numa moldura: o velho à frente e o novo atrás, mais elevado. Um aspecto curioso nesta cidade é a enorme quantidade de memoriais, muitos situados na Avenida Anzac (Anzac Promenade) como o Royal Australian Air Force Memorial, Royal Australian Navy Memorial, National Police Memorial, Australian National Korean War Memorial, Australian Service Nurses Memorial, entre outros. Mas o mais magistral é, sem dúvida, o Memorial de Guerra Australiano (Australian War Memorial).

MEMORIAL DE GUERRA AUSTRALIANO EM CAMBERRA

MEMORIAL DE GUERRA AUSTRALIANO EM CAMBERRA

Dicas rápidas para Camberra:

  • Acorde cedo e seja o primeiro a entrar nos monumentos, museus ou outros locais de interesse
  • Não perca poder visitar o interior do Parlamento Australiano
  • Faça uma free walking tour
GUIA DE VIAGEM CAMBERRA

GUIA DE VIAGEM CAMBERRA

Para saber quando ir a Camberra você precisa de se informar um pouco melhor acerca das suas estações e clima. A melhor altura para visitar Camberra é entre os meses de Setembro e Março.

Vídeo com imagens aéreas de Camberra

Vídeo muito bom para podermos ver as diferentes partes turísticas desta cidade.

Os 10 Melhores Locais de Camberra
  1. Casa do Parlamento da Austrália
  2. Memorial de Guerra Australiano
  3. Casa do Antigo Parlamento
  4. Lago Burley Griffin
  5. Museu Nacional da Austrália
  6. Galeria Nacional da Austrália
  7. Black Mountain Tower
  8. Museu Botânico
  9. Reserva Natural de Tidbinbilla
  10. Memorial ao Capitão Cook

O que visitar em Camberra

CAMBERRA

CAMBERRA

1- Casa do Parlamento da Austrália

Foi este local, a razão principal de ter visitado Camberra. A Casa do Parlamento é a sede do poder político na Austrália, o lugar onde se reúne o Parlamento nacional. Foi construído entre 1981 e 1988, segundo um plano da firma Mitchell/Giurgola & Thorp Architects, tendo sido inaugurado a 9 de Maio de 1988 com a presença da rainha Isabel II. O edifício pode ser visitado, existindo visitas guiadas. Além disso há uma galeria de arte e pode-se apreciar a vista do seu terraço. Note-se que o Parlamento da Austrália reuniu em Melbourne até 1927, transitando depois para a capital escolhida politicamente em 1909, Camberra. No anterior edifício do Parlamento, cuja demolição chegou a ser considerada, encontra-se agora um Museu do Parlamento.

2- Memorial de Guerra Australiano

O Memorial de Guerra Australiano é mais do que um monumento, é também um museu militar, um centro de investigação e um mausoléu, que pretende honrar os australianos caídos em combate nas muitas guerras em que o país se envolveu. Existe também um jardim de esculturas alusivas ao tema. O Memorial foi inaugurado em 1941, em plena Segunda Guerra Mundial, mas a ideia iniciou-se na sequência da Primeira Guerra Mundial. É um edifício de dois andares, em forma de cruz, localizado nas imediações da Casa do Parlamento. Está aberto das 10 às 5, existindo diversas tours guiadas ao longo do dia.

3- Casa do Antigo Parlamento

O Parlamente da Austrália reuniu-se até 1927 em Melbourne, tendo-se transferido a partir desse ano para Camberra, a nova capital. Ali esperava-o este edifício, cuja construção teve lugar entre 1923 e 1927, mantendo-se em funções até 1988 na chamado Provisional Parliament House. Quando John Smith Murdoch a concebeu, sabia que não se trataria de uma residência definitiva para o Parlamento, mas também não poderia ser temporária. Foi pensado para alojar o Parlamento durante 50 anos, e desenhado em estilo Clássico Simplificado, uma permanente nos edifícios governamentais construídos em Camberra nas décadas de 20 e 30. Com a transferência de funções para o novo edifício, considerou-se a demolição da Casa do Antigo Parlamento, mas no fim optou-se pela manutenção, estabelecendo-se ali um Museu do Parlamento.

4- Lago Burley Griffin

Trata-se de um lago artificial criado no centro de Camberra, concluído em 1963m depois do curso do rio Molonglo ter sido perturbado com a construção de uma barragem. O seu nome honra Walter Burley Griffin, o arquitecto norte-americano que desenhou Camberra no início do século XX. O arquitecto de Chicago tinha concebido uma cidade erguida em redor do lago, mas foram precisas décadas para a superfície de água idealizada se concretizar. O lago tem cerca de 6,5 km2, existindo seis ilhas. É cruzado por duas pontes e pela própria barragem. Hoje em dia é muito utilizado pelos habitantes de Camberra para fins recreativos. Na ilha Aspen encontra-se o “Carrilhão Nacional”, de 55 sinos, oferecido pelo Governo Britânico e inaugurado em 1970. O Memorial ao Capitão Cook encontra-se também no Lago.

5- Museu Nacional da Austrália

Este museu foi criado em 1980, mas até 2001 não teve um lar permanente. O seu edifício foi concebido pelo arquitecto Howard Raggatt, que criou um desenho inspirado num entrançado de cordas que simboliza a complexidade do passado e presente da Austrália. Localiza-se na península de Acton, perto dos subúrbios de Camberra, onde até 1997 se encontrava o Royal Camberra Hospital, demolido para dar lugar ao Museu. A temática central do Museu é a história social do país, tendo a maior colecção de artefactos aborígenes do mundo. A entrada é gratuita e existem duas visitas guiadas diárias.

6- Galeria Nacional da Austrália

A ideia de criar um museu de arte de âmbito nacional subsistia desde 1910, quando o primeiro-ministro Andrew Fisher aceitou as razões de um proeminente artista australiano, Tom Roberts, que há algum tempo procurava aceitação para esta ideia. Contudo foi preciso mais de oitenta anos para a Austrália conseguir concluir o projecto. O museu foi formalmente estabelecido em 1967 mas apenas em 1982 foi inaugurado no edifício onde se encontra. Desde então foi ampliado por duas vezes, tendo uma colecção de 166.000 peças de arte.

7- Black Mountain Tower

A Torre da Montanha Negra, também conhecida como Torre Telstra, nome da empresa de telecomunicações que a construiu, tem 195 m de altura e ergue-se no topo da Black Mountain, nos arredores de Camberra. Foi inaugurada em Maio de 1980 pelo primeiro-ministro Malcolm Fraser. Hoje em dia é essencial para o sistema de telecomunicações da capital australiana, tendo uma área destinada aos visitantes, incluindo um café, uma loja e diversas plataformas de observação. Existiu na torre um restaurante rotativo e uma sala de exposições, mas ambos foram desactivados. A torre pode ser visitada entre as 9 e as 22 horas, e o bilhete custa 7,50 Dólares Australianos.

8- Museu Botânico

A ideia de construir este jardim surgiu numa primeira fase da vida da cidade, tendo sido recomendada em 1933 e aprovada em 1935. Foi contudo preciso esperar por 1949 para que as primeiras árvores fossem plantadas nos terrenos do jardim, localizado na Black Mountain. A propriedade ocupa 90 hectares, dos quais cerca de metade estão de facto ocupados por jardins. A colecção é composta por 6,300 espécies, divididas em vários espaços, como o Jardim Vermelho ou o Jardim das Asteráceas. Existem diversos trilhos para que os visitantes visitem os jardins, com especial destaque para o que o leva através de uma floresta tropical e para o que conduz à Torre Telstra, no topo da colina. Há duas visitas guiadas gratuitas por dia.

9- Reserva Natural de Tidbinbilla

Esta reserva natural de 54 km2 localiza-se nas imediações de Camberra, e foi criada em 1971. O seu nome provém dos aborígenes, e significa “o local onde os rapazes se tornam homens”, tendo a última cerimónia aborígene ali ocorrido nos primeiros anos do século XX. É um belo local para passar o dia em contacto com a Natureza, com muita fauna local, incluindo os incontornáveis cangurus, e uma longa série de trilhos (são exactamente 21) de extensão e grau de dificuldade variáveis. Em 2003 a reserva foi devastada por fogos florestais e infelizmente a população de koalas desapareceu por completo. A reserva tem capacidade para hospedar 196 pessoas em camaratas.

10- Memorial ao Capitão Cook

Este memorial localiza-se no lago Burfley Griffin e é composto de dois elementos. No meio o lado, um potente canhão de água capaz de disparar o líquido a 260 km/h eleva o jacto até 147 m de altura. Está activo todos os dias entre as 2 e as 4 da tarde, podendo ser iluminado com luzes coloridas. A complementá-lo existe um globo terrestre estilizado, colocado na margem, mostrando os percursos que o Capitão Cook seguiu nas suas viagens. O memorial foi inaugurado a 25 de Abril de 1970 pela Rainha Isabel II, e foi restaurado em 2017.

Roteiros em Camberra

ROTEIRO CAMBERRA

ROTEIRO CAMBERRA

Algumas ideias de roteiros para você preparar as suas férias em Camberra de maneira independente. Itinerários de turismo em Camberra na Austrália.

1 Dia em Camberra: passo-a-passo
Manhã: Brevemente…
Tarde: Brevemente…
2 Dias em Camberra: passo-a-passo
Dia 1 Manhã: Brevemente…
Dia 1 Tarde: Brevemente…

Dia 2 Manhã: Brevemente…
Dia 2 Tarde: Brevemente…

Procura um Hotel em Camberra? Hotéis em Camberra

Kit de Viagem

« Onde reservo alojamento? Encontre os melhores hotéis e promoções através do Booking.com »
« Rent-a-car? Eu reservo sempre o meu carro online através do Rentalcars.com »
« Quer estar prevenido? Faça o seu seguro de viagem através do Worldnomads.com »
« Junte-se a um grupo! 7 dias em Marrocos 430 euros desde Marraquexe até ao Deserto do Saara através do Marrocos.com »
« Comprar bilhetes de monumentos e saltar as filas? Organize a sua viagem com antecedência através do Ticketbar.eu »
« Quer viajar e ter sempre Internet? Faça como eu e compre o aparelho da SkyRoam.com »

O autor do blog

VIVA! Sou o João Leitão. Viajante independente desde 1999, explorei mais de 130 países em África, Antártica, Ásia, Europa, América do Norte e Central, América do Sul e Oceânia. Bem-vindo ao meu blog de viagens, onde partilho dicas práticas de viagem para o motivar a sair de casa! Siga nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram, Pinterest e YouTube.

« Seguir no Instagram »