🐪 » Viagem de grupo 7 dias em Marrocos por 430 Euros » Marrakech até Deserto do Saara » Mais info em MARROCOS.COM « 🐪

🌍 Visitar Rio de Janeiro, Guia de Viagem – Dicas, Roteiros, Mapas, Fotos

Actualizado em 5 Agosto, 2017

Quer visitar Rio de Janeiro?

VISITAR RIO DE JANEIRO

VISITAR RIO DE JANEIRO

Guia de Viagem ao Rio de Janeiro

O Rio de Janeiro pode não ser a capital do Brasil, mas será provavelmente a cidade mais famosa e mais procurada pelos turistas que visitam o país. O seu Carnaval é mítico, e os seus locais ilustres são conhecidos por todo o mundo: o morro do Pão de Açúcar e seus teleféricos, o Cristo Redentor, de braços abertos, no topo do monte do Corcovado, observando as praias que se localizam directamente na cidade, como é o caso de Copacabana e Ipanema. O futebol é rei no Brasil e no Rio de Janeiro encontra-se o grande Estádio do Maracanã, onde actuam quatro das melhores equipas nacionais: Flamengo, Fluminense, Botafogo e o Vasco da Gama. Visitar o Brasil e não passar pelo Rio de Janeiro, é deixar para trás um destino importante que vale a pena conhecer.

Nesta página você encontra:

  • Visitar Rio de Janeiro – o mais importante a saber
  • Dicas rápidas para Rio de Janeiro
  • Vídeo Promocional do Turismo do Rio de Janeiro
  • Os 25 Melhores Locais do Rio de Janeiro
  • O que visitar no Rio de Janeiro
  • Mapa dos Monumentos do Rio de Janeiro
  • Mapa do Metro do Rio de Janeiro
  • Fotos do Rio de Janeiro
  • Alojamento no Rio de Janeiro
  • Alugar carro no Rio de Janeiro
  • Celebrações e Feriados no Rio de Janeiro
  • Roteiros no Rio de Janeiro: 1 dia, 2 dias, 3 dias

Visitar Rio de Janeiro – O importante a saber

RIO DE JANEIRO NO BRASIL

RIO DE JANEIRO NO BRASIL

O Rio de Janeiro está cheio de lugares conhecidos em todo o mundo que fazem de postal turístico da cidade: o Pão de Açúcar, o Morro do Corcovado com a estátua do Cristo Redentor, o Sambódromo, o Estádio do Maracanã e as praias dos bairros de Copacabana, Ipanema e Barra da Tijuca.

O Carnaval é o ex-libris do Rio de Janeiro e nessa altura do ano a cidade transforma-se em festa. No entanto, mesmo sem ser na época do Carnaval, boa disposição e alegria é o que se pode esperar do povo carioca. Para além das belíssimas praias e avenidas, favelas como o complexo do Alemão ou Rocinha, são parte da imagem da cidade Maravilhosa.

O Rio de Janeiro, chamada de “cidade maravilhosa” oferece uma paisagem muito característica entre mar e montanha. É a segunda maior cidade do Brasil, mas a mais turística.

As favelas do Rio de Janeiro são também famosas, quase sempre pelas piores razões, mas nos anos mais recentes tendo revelado uma inesperada vocação turística. A música marca também a cidade. O samba é aqui mais forte do que em qualquer outro lugar do Brasil, e alguns temas eternos da música brasileira estão ligados ao Rio de Janeiro, como é o caso de “Menino do Rio” e de “Garota de Ipanema”. Para quem gosta dos aspectos históricos de uma cidade, há que explorar o “Centro”, núcleo da cidade, onde se encontram as igrejas mais antigas, os principais monumentos mas também os mais requintados edifícios de escritórios.

Dicas rápidas para Rio de Janeiro:

  • Acorde cedo e seja o primeiro a entrar nos monumentos, museus ou outros locais de interesse
  • Suba ao Cristo Redentor – a melhor vista da cidade
  • Faça uma free walking tour
  • Vá assistir a um jogo de futebol no estádio do Maracanã
  • Tenha cuidado com os seus pertences
  • Caminhe a praia de Ipanema para ir ver o por do Sol na Pedra do Arpoador

Para saber quando ir ao Rio de Janeiro você precisa de se informar um pouco melhor acerca das suas estações e clima. A melhor altura para visitar o Rio de Janeiro é entre Dezembro e Março, durante a época alta. Os meses de melhor tempo no Rio de Janeiro são Abril, Maio, Junho, Julho, Agosto, Setembro, Outubro e Novembro. Os meses mais quentes da cidade são Janeiro, Fevereiro, Março e Dezembro.

Vídeo da caminhar na Praia de Ipanema no Rio de Janeiro

Os 25 Melhores Locais do Rio de Janeiro
  1. Cristo Redentor
  2. Pão de Açúcar
  3. Praia de Copacabana
  4. Praia de Ipanema
  5. Santa Teresa
  6. Parque Lage
  7. Escadaria do Selarón
  8. Igreja de Nossa Senhora da Candelária
  9. Museu Nacional
  10. Museu Histórico Nacional
  11. Museu Nacional de Belas Artes
  12. Museu de Arte Moderna do Rio
  13. Ilha Fiscal
  14. Teleférico do Alemão
  15. Leblon
  16. Jardim Botânico
  17. Paço Imperial
  18. Botafogo
  19. Sambódromo
  20. Arpoador
  21. Pedra da Gávea
  22. Catedral de São Sebastião
  23. Theatro Municipal do Rio de Janeiro
  24. Parque Nacional da Tijuca
  25. Forte Duque de Caxias

O que visitar no Rio de Janeiro

RIO DE JANEIRO

RIO DE JANEIRO

1- Cristo Redentor

Talvez o ponto mais famoso do Rio de Janeiro, esta estátua de Jesus Cristo que de braços abertos parece observar toda a cidade, foi construída no topo do cerro do Corcovado entre 1922 e 1931. A concepção, em estilo Art Deco, foi do francês Paul Landowski e a supervisão da construção do engenheiro Heitor da Silva Costa. A estrutura tem uma altura total de 38 metros e da sua base podem-se apreciar das melhores vistas do Rio de Janeiro. O primeiro projecto para a construção do Cristo data de meados do século XIX, mas a ideia foi colocada de lado após a instauração da república, em 1889. Acabou mesmo assim por ser construída umas décadas mais tarde, financiada por doações de privados. A forma mais popular de chegar até ao Cristo Redentor é utilizando o comboio (trem) vermelho que em 20 minutos chega até perto do topo.

2- Pão de Açúcar

O morro do Pão de Açúcar eleva-se a 396 metros, podendo-se chegar ao seu topo através de dois teleféricos: o primeiro leva os visitantes até ao Morro da Urca (220 m). Dali se pode observar a Baía de Guanabara e a linha da costa quase a perder de vista. Pode-se repousar um pouco num dos muitos bares e restaurantes ali existentes antes da ascensão final ao Pão de Açúcar. Se vai visitar o melhor será ir bem pela manhã, estando no local logo pelas oito da manhã, de forma a evitar as longas filas que se formam para os teleféricos. Caso o tempo seja um problema, fique sabendo que é possível fazer este passeio em cerca de hora e meia. É possível subir a pé até ao Morro da Urca e se optar por isso conte com uma meia-hora para a caminhada íngreme.

3- Praia de Copacabana

Esta é a principal praia do Rio de Janeiro e uma das mais famosas do mundo. Localiza-se junto ao seu famoso calçadão, feito em calçada portuguesa, tendo cerca de 4 km de comprimento. A praia é ladeada por dois fortes históricos, o Copacabana (1914) e o Duque de Caxias (1779). A praia é o local mais popular para as comemorações da passagem de ano do Rio de Janeiro e costuma ser cenário do Campeonato do Mundo de Futebol de Praia. De resto, o desporto costuma estar presente na praia de Copacabana, com competições de natação e vólei de praia. No seu areal encontram-se inúmeros bares de praia, excelentes para beber uma cerveja ou o sumo de um coco. A praia é também conhecida pelos seus concursos de esculturas na areia. Copacabana é também o nome do bairro adjacente, um dos mais cosmopolitas da cidade.

4- Praia de Ipanema

É a segunda praia mais popular do Rio de Janeiro, a seguir à de Copacabana. Tem uma extensão de 2,6 km e localiza-se entre o Arpoador e o Jardim de Alah, junto aos bairros de Ipanema e do Leblon. Tornou-se ainda mais conhecida para o mundo depois do imenso sucesso do tema musical interpretado por Tom Jobin, “Garota de Ipanema”. O areal é muito usado para práticas desportivas e para espectáculos musicais. O seu posto 9 é um dos pontos mais interessantes, ponto de reunião para os jovens da área e para artistas e até mesmo algumas celebridades do Rio de Janeiro. Uma característica muito própria desta praia é a do pessoal que a frequenta aplaudir o pôr-do-sol, um hábito criado pelo jornalista Carlos Leonam.

5- Botafogo

Este é um dos bairros mais famosos do Rio de Janeiro. Habitado sobretudo por pessoas de classe média, oferece excelentes vistas para a Baía de Guanabara e para o morro do Pão de Açúcar, especialmente desde o Mirante do Pasmado, onde se chega apenas de carro. O cenário cultural é especialmente intenso no bairro, com muitos cinemas, museus e teatros em actividade. Por ali se localiza o Palácio da Cidade, onde se localiza o gabinete de trabalho do presidente da câmara (perfeito). A praia que ali existe não é adequada para banhos, mas mesmo assim é boa para um passeio, e ainda tem uma boa ciclovia. O serão é animado, e a cultura do “boteco” (pequenos bares, cafés ou tascas) está bem presente no Botafogo.

6- Sambódromo

O Sambódromo é o epicentro do famoso Carnaval do Rio de Janeiro. É a estrutura por onde passam todas as “escolas” de samba que na ocasião desfilam, competindo pelo desejado título. Foi construído nos anos 80, segundo um projecto de Oscar Niemeyer, talvez o melhor arquitecto brasileiro de sempre. Graças às técnicas de utilização de módulos de betão pré-armado, a obra foi concluída em apenas quatro meses. O espaço de desfile tem treze metros de largura e setecentos metros de comprimento, e as bancadas que o envolvem têm capacidade para 78.500 pessoas. Quando não é época do Carnaval o recinto é utilizado como espaço de espectáculos e durante o dia pode ser visitado gratuitamente, o mesmo sucedendo com o Museu do Samba, no mesmo local. Localiza-se na chamada Cidade Nova.

7- Leblon

Este bairro do Rio de Janeiro localiza-se na zona sul, sendo vizinho de Ipanema. É habitado essencialmente por pessoas de classe média e alta, tendo-se desenvolvido desde finais do século XIX numa área onde antes apenas existiam terrenos arenosos. Deve o seu nome ao francês Charles Leblon, proprietário de uma das quintas que ocupavam a área onde o bairro nasceu. Hoje em dia é dos bairros mais caros do Rio de Janeiro e o seu ambiente é cosmopolita, com muitos bares e restaurantes, alguns abertos 24 horas por dia. Tem a sua própria praia, menos povoada do que a de Copacabana e Ipanema, talvez porque o metro não chega ao Leblon. É ligado a Ipanema por um bonito calçadão e é uma das áreas mais seguras do Rio.

8- Escadaria Selarón

A história da escadaria Selarón inicia-se em 1990, quando o chileno Jorge Selarón, residente no Rio, começou a restaurar uma escadaria negligenciada que existia em frente à sua habitação. Aos poucos foi cobrindo a escadaria com elementos decorativos diversos, como azulejos, mosaicos e espelhos, sempre usando as cores da bandeira brasileira – azul, verde e amarelo. Chegou a ter que vender algumas das suas obras enquanto pintor para financiar a conclusão do seu projecto da escadaria mas eventualmente conseguiu terminar. Dos cerca de dois mil mosaicos usados na escadaria, trezentos foram pintados à mão pelo chileno, que definiu a sua obra como uma homenagem ao povo brasileiro. Hoje em dia o local é uma das atracções turísticas do Rio de Janeiro, localizando-se entre os bairros de Santa Teresa e da Lapa.

9- Paço Imperial

O Paço Imperial foi construído em 1738 pelo arquitecto José Fernandes Pinto Alpoim. É também conhecido como Palácio Imperial, Palácio Real do Rio de Janeiro e Palácio dos Vice-reis, e foi a habitação do rei D. João VI de Portugal, mais tarde Imperador do Brasil e os seus sucessores usaram o edifício como local de trabalho. Com a implantação da República no Brasil (1889) o Paço Imperial perdeu a sua importância e foi transformando no posto central de correios da cidade. A decoração interior perdeu-se e a fachada foi sendo alterada com o correr dos anos. Em 1980 teve lugar uma obra de renovação que trouxe o edifício ao seu aspecto em 1818, com base na vasta colecção de gravuras e pinturas antigas do palácio. Desde 1984 tem sido usado como centro de cultura, contando com salas de exposição e hospedando a biblioteca Paulo Santos, dedicada às artes e à engenharia.

10- Museu Nacional

O Museu Nacional, instalado no Rio de Janeiro, é a mais antiga instituição cientifica do Brasil e um dos mais importantes museus de história natural do continente americano. Apesar de ter sido fundado em 1818, só em 1892 transitou para as actuais instalações, o Paço de São Cristóvão, que foi a residência da família imperial brasileira até à implantação da República, em 1889. Hoje em dia, para além do espólio dedicado à história natural tem também ricas colecções arqueológicas, especialmente do Antigo Egipto e da América Pré-Colombiana. O museu passou em 1946 para a administração da Universidade do Brasil, actual Universidade Federal do Rio de Janeiro. É fácil visitar o museu, podendo-se usar o metro e sair na estação de São Cristóvão.

Roteiros no Rio de Janeiro

Algumas ideias de roteiros para você preparar as suas férias no Rio de Janeiro de maneira independente. Itinerários de turismo no Rio de Janeiro na Brasil.

1 Dia no Rio de Janeiro: passo-a-passo
Manhã: Brevemente…
Tarde: Brevemente…
2 Dias no Rio de Janeiro: passo-a-passo
Dia 1 Manhã: Brevemente…
Dia 1 Tarde: Brevemente…

Dia 2 Manhã: Brevemente…
Dia 2 Tarde: Brevemente…

Mapa Metro do Rio de Janeiro

Clique no mapa para aumentar e explorar melhor.

Mapa Metro Rio de Janeiro

Mapa Rodoviário do Rio de Janeiro

Nesta página você tem um mapa de estradas da cidade do Rio de Janeiro, Brasil. Clique no mapa para aumentar e explorar melhor.

Mapa Rodoviario Rio de Janeiro

Mapa Política Administrativa do Rio de Janeiro

Clique no mapa para aumentar e explorar melhor.

Mapa Regioes Rio de Janeiro

Procura um Hotel no Rio de Janeiro? Hotéis no Rio de Janeiro


Deixe o seu comentário aqui:

João Leitão - O autor do blog:

VIVA! Sou o João - blogger de viagens. Com 20 anos de experiência como viajante independente, explorei mais de 128 países em África, Antártica, Ásia, Europa, América do Norte e Central, América do Sul e Oceânia. Bem-vindos ao meu blog de viagens, onde partilho informação prática de viagem para o motivar a sair de casa! Siga nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram, Pinterest e YouTube.

Kit de Viagem:

  • Onde eu reservo alojamento? Encontre os melhores hotéis e promoções através do Booking.com
  • Eu reservo sempre o meu carro online através do Rentalcars.com
  • Quer estar prevenido? Faça o seu seguro de viagem através do Worldnomads.com
  • 7 dias em Marrocos 430 euros desde Marrakech até ao Deserto do Saara através do Marrocos.com
  • Quer viajar e ter sempre Internet? Faça como eu e compre o aparelho da SkyRoam.com
* Esta página tem links de afiliados. Quando você reserva algo através deste blog, eu retenho uma pequena comissão que não altera o preço final. Obrigado!

Blog de viagens mencionado em:

Blog de viagens nos Media

« Seguir @joaoleitaoviagens no Instagram »