🐪 » Viagem de grupo 7 dias em Marrocos por 430 Euros » Marrakech até Deserto do Saara » Mais info em MARROCOS.COM « 🐪

🌍 Visitar Dinamarca – Roteiros e Dicas de Viagem

Actualizado em 28 Julho, 2017
Visitar Dinamarca – Roteiros e Dicas de Viagem

Visitar Dinamarca – Roteiros e Dicas de Viagem

Guia de Viagem da Dinamarca

Viajar na Dinamarca – informação de viagem.

Tudo sobre visitar os melhores locais e destinos da Dinamarca. Ideias de roteiros e itinerários com informação de alojamento, transporte, muitas galerias de fotografias, restaurantes, vídeos e mapas.

Organize as suas férias na Dinamarca. Alguma pergunta ou opinião deixe um comentário no fim da página.

Obrigado.

Reino da Dinamarca

Bandeira Dinamarca

Bandeira da Dinamarca

  • Capital: Copenhaga (Copenhague).
  • Língua oficial: Dinamarquês.
  • Rainha: Margarida II.
  • População 2014: 5.627.235 habitantes.
  • Moeda: Coroa.
  • Área Total: 43.094 km².
  • Fuso horário: UTC +1, +2.
  • Código telefónico internacional: +45.
  • Clima: Oceânico.
  • Visto: A Dinamarca pertence à União Europeia e ao Espaço Schengen por isso não é preciso visto, nem passaporte para cidadãos portugueses. Tenha consigo o seu Bilhete de Identidade.
  • Fronteiras: Alemanha, Suécia.
  • Locais a não perder: Copenhaga, Museu Louisiana de Arte Moderna, Ilha de Funen, Legoland, Destilaria Carlsberg, Parque Nacional Waddensea, Castelo de Kronborg, Ilulissat.
  • Quando visitei a Dinamarca: Julho 2008.
Mapa Dinamarca

Mapa da localização geográfica da Dinamarca no Mundo

Turismo na Dinamarca, Roteiros de Viagem

Barcos num canal no centro de Copenhaga, Visitar a Dinamarca

Barcos num canal no centro de Copenhaga, Visitar a Dinamarca

Copenhaga
A Dinamarca é um país fascinante para passar férias.

Viajei na Dinamarca no Verão de 2008. Fiquei 3 dias na cidade de Copenhaga, onde aterrei de avião vindo de Reykjavik na Islândia. Copenhaga surpreendeu-me pela positiva, é uma cidade histórica, com arquitectura muito bonita, tudo muito limpo e organizado. Tem alguns museus muito bons que fiz questão em conhecer. Um passeio pelos canais da cidade é algo a não perder.

Fiquei no youth hostel international fora do centro da cidade, aproveitei para explorar um pouco a cidade, estive no concerto da Gay parade na praça principal da cidade, estive nuns concertos no jardim Tivoli. Apanhei ainda um comboio de 45 minutos para visitar o museu “Louisiana Museum of Modern Art” – 35km a Norte de Copenhaga; um local espectacular para se passar um dia – tem o museu e um jardim ao pé da água, muito calmo, excelente para se fazer um pequeno pic-nic e ler um livro.

Apresentação da História, Geografia e Cultura:

A história da Dinamarca remonta à era dos Vikings, sendo que desde 4000 anos a.C. que existe aqui presença humana. Este território sempre foi considerado um lugar bastante rico e importante. No entanto, foi nos séculos XVI e XVII que marcou a sua posição na Europa como uma grande potência, apesar de ser um país de tamanho pequeno. Ainda hoje em dia é considerado um dos países mais influentes e avançado nas mais variadas áreas, nomeadamente no design, na arquitectura e na tecnologia ecológica. Nos anos 40 a Dinamarca foi invadida pela Alemanha Nazi, mas sem sucesso, uma vez que os dinamarqueses resistiram a esta corrente política. Foi depois da Segunda Grande Guerra que a Dinamarca foi integrada na Associação Europeia de Livre Comércio e na Organização do Tratado do Atlântico Norte, tal como nas Nações Unidas. Entrou na Comunidade Económica Europeia em 1973.

A geografia da Dinamarca conta com a área territorial de 43 094 Km2, a qual consiste a Península da Jutlândia e as 405 ilhas. Cerca de 80 ilhas encontram-se habitadas, mas as mais importantes são as ilhas Fiona e Zelândia. Uma curiosidade é que muitas das ilhas encontram-se ligadas por pontes, sendo que por exemplo, a ponte do Oresund liga a Ilha Zelândia à Suécia, assim como a Ponte do Grande Belt liga a Fyn à Zelândia. É um país com poucas montanhas, por isso, tem um relevo com características planas. As colinas são baixas, sendo que o ponto mais alto do país é no monte Yding Skovhoj, com apenas 173 metros de altitude. Tem imensas florestas e terras boas para a prática da agricultura. Tem imensos lagos pelo país fora, mas não apresenta muitos rios (e os que existem são pequenos). Os lagos mais importantes, e por sinal mais turísticos, são Mosso (Jutlândia), Arreso, Fureso e Esromso (Zelândia).

A cultura da Dinamarca é bastante interessante, uma vez que existe um enorme investimento na formação artística no povo dinamarquês. Os habitantes deste país adoram celebrar a vida com os amigos e com a família. São muito dados às suas tradições e às festividades populares, as quais estão baseadas no calendário cristão. Foi aqui que nasceu um gosto diferente pelo Design e Arquitectura, uma vez que aplicam estas técnicas no dia-a-dia desta sociedade. Por tal, a Dinamarca é bastante conhecida pelo design de móveis e, neste momento encanta todo o mundo com a sua praticabilidade e beleza dos produtos (a preços bastante competitivos). A Dinamarca é também muito admirada pela sua Cozinha, onde foi criado o conceito Nova Cozinha Nórdica, ou seja, existe uma dedicação especial às receitas das avós aplicadas em conceitos de confecção modernos, essencialmente, com ingredientes plantados “no quintal” com métodos biológicos.

Clima e Quando ir:

Para saber quando ir à Dinamarca você precisa de se informar um pouco melhor acerca das suas estações e clima. A melhor altura para visitar a Dinamarca é entre os meses de Maio e Setembro, uma vez que são os meses mais quentes e agradáveis.

O clima da Dinamarca é temperado oceânico, com Invernos frios e Verões amenos. Os ventos são, por norma, fortes, tal como a humidade e os nevoeiros são abundantes. Durante o Verão e o Outono é quando ocorrem os maiores índices de pluviosidade.

The Official Danish Turistfilm – Visit Denmark

Vídeo promocional do Turismo da Dinamarca.

O que visitei / Resumo de viagem à Dinamarca

Por ordem de visita.

Copenhaga, Dinamarca
Copenhaga, DinamarcaCopenhaga: capital da Dinamarca, esta é uma cidade com lindos monumentos e edifícios históricos de fazer inveja a muitas outras cidades europeias. Pouco se ouve falar de Copenhaga, mas locais como o Parque de Superkilen, o Jardim do Rei onde se situa o Castelo Rosenborg e ainda o Parque Faelledparken são todos locais a não perder durante uma visita à cidade. Além de vários museus – do qual destaco o Museu Nacional de Copenhaga, há ainda a Gliptoteca Ny Carlsberg que contém a colecção pessoal da família Carlsberg. Passei um par de dias em Copenhaga e visitei os bairros antigos, fiz um passeio de barco nos canais da cidade e ainda assisti a concertos de música durante a eufórica Gay Parade. Para quem gosta de arquitectura estilo barroco, um passeio pelo bairro Frederksstaden faz-nos encontrar a Opera de Copenhaga, a igreja Marble, a Residência Real e o famoso palácio Amalienborg.
Humlebæk, Dinamarca
Humlebæk, DinamarcaHumlebæk: junto à costa, fica uma tranquila cidade famosa por ser o local onde se encontra o museu mais conhecido da Dinamarca – o Museu Louisiana. Durante a minha viagem fiz questão em visitar este local pois além de vários artistas com um trabalho interessante, há várias obras de criadores de destaque internacional tais como Picasso, Giacometti e Alexander Calder. Para se chegar a Humlebæk faz-se uma breve viagem de comboio (trem), e na verdade, passar um dia neste local é bem gratificante. Além do museu, podemos visitar a marina e apreciar as vistas do mar e, a Suécia do outro lado das águas. Este super museu, referência europeia para arte moderna, foi construído em 1958 por Knud W. Jensen e conta com um acerco de imensos artistas e mais de 3000 obras de arte.
Locais UNESCO na Dinamarca
Estes são todos locais que vale a pena visitar na Dinamarca. Os locais UNESCO Património Mundial na Dinamarca são locais protegidos pela sua importância cultural ou natural.

Locais inscritos na Lista do Património Mundial na Dinamarca:

  • Túmulos, Pedras Rúnicas e Igreja de Jelling
  • Catedral de Roskilde
  • Castelo de Kronborg
  • Fiorde de Ilulissat
  • Stevns Klint
  • Christianfeld, uma colónia da igreja moraviana
  • Paisagem de caça par force no norte da Zelândia

Kit Útil para organizar a sua viagem na Dinamarca:

Siga no Twitter, Facebook, Instagram e Pinterest. Partilhe esta página e deixe o seu comentário.


Deixe o seu comentário aqui:

João Leitão - O autor do blog:

VIVA! Sou o João - blogger de viagens. Com 20 anos de experiência como viajante independente, explorei mais de 128 países em África, Antártica, Ásia, Europa, América do Norte e Central, América do Sul e Oceânia. Bem-vindos ao meu blog de viagens, onde partilho informação prática de viagem para o motivar a sair de casa! Siga nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram, Pinterest e YouTube.

Kit de Viagem:

  • Onde eu reservo alojamento? Encontre os melhores hotéis e promoções através do Booking.com
  • Eu reservo sempre o meu carro online através do Rentalcars.com
  • Quer estar prevenido? Faça o seu seguro de viagem através do Worldnomads.com
  • 7 dias em Marrocos 430 euros desde Marrakech até ao Deserto do Saara através do Marrocos.com
  • Quer viajar e ter sempre Internet? Faça como eu e compre o aparelho da SkyRoam.com
* Esta página tem links de afiliados. Quando você reserva algo através deste blog, eu retenho uma pequena comissão que não altera o preço final. Obrigado!

Blog de viagens mencionado em:

Blog de viagens nos Media

« Seguir @joaoleitaoviagens no Instagram »