🐪 » Viagem de grupo 7 dias em Marrocos por 430 Euros » Marrakech até Deserto do Saara » Mais info em MARROCOS.COM « 🐪

🌍 Visitar Finlândia – Roteiros e Dicas de Viagem

Actualizado em 28 Julho, 2017
Visitar Finlândia – Roteiros e Dicas de Viagem

Visitar Finlândia – Roteiros e Dicas de Viagem

Guia de Viagem da Finlândia

Viajar na Finlândia – informação de viagem.

Tudo sobre visitar os melhores locais e destinos da Finlândia. Ideias de roteiros e itinerários com informação de alojamento, transporte, muitas galerias de fotografias, restaurantes, vídeos e mapas.

Organize as suas férias na Finlândia. Alguma pergunta ou opinião deixe um comentário no fim da página.

Nesta página você encontra:

  1. República da Finlândia – Informação prática
  2. Turismo na Finlândia – Apresentação
  3. História, Geografia e Cultura
  4. Clima e Quando ir
  5. Vídeo da Finlândia
  6. Resumo de viagem à Finlândia
  7. Guia de Viagem: artigos para consultar
  8. Roteiros na Finlândia – 5 dias
  9. Locais UNESCO na Finlândia
  10. Kit de Viagem

Obrigado.

República da Finlândia

Bandeira Finlandia

Bandeira da Finlândia

  • Capital: Helsínquia
  • Língua oficial: Finlandês e sueco
  • Presidente: Sauli Niinistö
  • População 2009: 5.348.357 habitantes
  • Moeda: Euro
  • Área Total: 338.145 km²
  • Fuso horário: UTC +2,+3
  • Código telefónico internacional: +358
  • Clima: Temperado subártico, subártico
  • Visto: Não é preciso visto para a Finlândia, pertence à União Europeia
  • Fronteiras: Rússia, Suécia, Noruega
  • Locais a não perder: Fortaleza Suomenlinna, Igreja da Rocha, Castelo Olavinlinna, Ilha Seurasaari, Helsínquia, Turku, Parque Nacional Repovesi, Porvoo, Kristinestad, Lappfjard, Parkano, Rauma, Kihnio, Merikarvia
  • Quando visitei a Finlândia: Janeiro 2005, Fevereiro 2005, Março 2005, Maio 2005
Mapa Finlandia

Mapa da localização geográfica da Finlândia no Mundo

Turismo na Finlândia , Roteiros de Viagem

Mar congelado em Merikarvia, Visitar a Finlândia

Mar congelado em Merikarvia, Visitar a Finlândia

A Finlândia é um país fascinante para passar férias.

Eu tive a oportunidade de viver meio ano na cidade finlandesa de Kankaanpaa, onde estive a estudar artes na universidade SAMK – Satakunnan ammattikorkeakoulu. Assim, durante os meses de Inverno, tentei adaptar-me à vida escolar e aproveitei ainda para viajar e visitar os melhores destinos da Finlândia.

Como fui para a Finlândia com o meu carro português, tive sempre transporte próprio o que possibilitou explorar à vontade e sem restrições de transportes públicos, altura do dia ou intempéries. A Finlândia é um país com uma energia e ambiente bem fora do resto da Europa, mesmo o seu povo é diferente – não sei bem como explicar.

Apresentação da História, Geografia e Cultura:

Seinajoki Finlandia
A história da Finlândia conta que este território é habitado há cerca de 9000 anos. O povo Lapão foi o primeiro grupo étnico a estabelecer-se neste lugar, essencialmente no Norte do país. Sabe-se que no Sul da Finlândia, o povo aqui estabelecido 3 000 anos mais tarde, foi o povo ugro-finese. Com bastante influência sueca, aderiu ao cristianismo e preparou-se, através das cruzadas, contra as investidas russas, que tinham o objectivo de conquistar este território. A Finlândia fez parte do território sueco, seguindo as leis e normas do país dominante, sendo que os finlandeses se sentiram sempre revoltados, uma vez que tinham de estar envolvidos nos conflitos provocados pela Suécia, especialmente com a Rússia. Entre os séculos XVIII e XIX, a Finlândia viveu momentos de grande instabilidade, chegando mesmo a ser ocupada pela Rússia. Foi em 1917 que este país se tornou independente e em 1987 existiu uma grande mudança política nesta nação, uma vez que o Partido Nacional Conservador se uniu ao Partido Social Democrata e formaram governo.

A geografia da Finlândia conta com a área territorial de 338 145 Km2, país situado no Norte da Europa. Este país é conhecido como o “país dos mil lagos”, o qual faz fronteira a Norte com a Noruega, a Noroeste com a Suécia e a Leste com a Rússia. É também banhada a Sul pelo Golfo da Finlândia e a Oeste pelo Golfo de Bótnia. O cenário paisagístico é composto principalmente por um relevo de baixa altitude e de características planas, embora se registe uma subida de altitude de Sul para Norte. O ponto mais alto da Finlândia encontra-se no Monte Haltia, na região montanhosa situada a Noroeste do país com 1328 metros de altitude. É possível encontrar pelo país a fora imensas florestas densas, acompanhadas por pequenos e grandes lagos (como por exemplo, o Lago Saimaa, o quinto maior lago do continente europeu), tal como por muitos rios e áreas pantanosas.

A cultura da Finlândia é bastante influenciada pelo facto de ter vivido imensos conflitos militares, enquanto estava sob o domínio da Suécia e quando este país tinha sérios problemas territoriais com a vizinha Rússia. A Finlândia sempre quis ser um país pacífico e o seu povo contenta-se estar rodeado de imensos lagos e de uma paisagem maravilhosa. O nome do país significa “a terra dos mil lagos ou pântanos” e não a terra do “fin” do mundo, como alguns referem. A mulher finlandesa representa o primeiro país a participar nas eleições parlamentares, e segundo as estatísticas, este é o país que oferece aos seus cidadãos a melhor educação do mundo. A sua Literatura tem muita força, a população lê imenso e está sempre muito atenta a tudo o que acontece nas artes em geral. O povo em geral é bastante reservado, adoram desporto e de “estar na natureza”. A lenda do Pai Natal nasceu aqui, que segundo se conta, vive na Lapónia (finlandesa).

Clima e Quando ir:

Para saber quando ir à Finlândia você precisa de se informar um pouco melhor acerca das suas estações e clima. A melhor altura para visitar a Finlândia é entre os meses de Maio e Setembro, uma vez que esta época tem dias quentes e mais longos.

O clima da Finlândia é temperado frio, pois os seus Invernos são longos e frios e os Verões, são quentes. As chuvas são mais intensas nos meses de Outono, sendo que no Inverno, ocorrem muitos nevões. Os Verões são curtos e ensolarados.

Vídeo do Turismo da Finlândia:

O que visitei / Resumo de viagem à Finlândia

Por ordem de visita.

Helsinquia, Finlândia
Helsinquia, FinlandiaHelsínquia: é a capital da Finlândia desde a independência do país face ao império Russo. A cidade fica sobre várias pequenas ilhas o que a torna invulgar. É uma cidade cheia de edifícios de grande valor arquitetónico, impecavelmente preservados. Existem belíssimos exemplos da influência russa, como a Catedral Ortodoxa de Uspenski e a Praça do Senado, onde fica também a Universidade de Helsínquia e a Catedral de Helsínquia (ou Catedral Luterana), um dos edifícios mais emblemáticos da cidade. A Igreja de Pedra é um edifício que vale a pena visitar, construída nos anos 60 é uma igreja quase totalmente subterrânea construída a partir de uma rocha maciça de granito. O exterior é simples e destaca-se a sua cúpula de cobre que é praticamente a única parte visível do exterior. Nos arredores da cidade, a cerca de 1 hora de barco, a não perder a Fortaleza de Suomenlinna que ocupa uma pequena ilha onde só existe esta edificação. Para além da fortaleza, declarada património da Humanidade pela Unesco, a belíssima paisagem envolvente acresce ainda mais valor a este local.
Kankaanpaa, Finlândia
Kankaanpaa, FinlandiaKankaanpaa: é uma pequena cidade no Sudoeste da Finlândia. Fica à beira do Lago  Ruokojärvi e é de uma envolvente paisagem verde (na Primavera e Verão). Mas para além dos atractivos naturais, esta pequena cidade tornou-se conhecida pela intensa actividade artística. O Art Circle (Círculo de Arte) é exemplo da importância da Arte nesta cidade, pois é um itinerário que marca os principais pontos a visitar ligados à Arte. A não perder uma visita à Igreja Luterana construída em madeira, que fica numa pequena colina com vista para o lago. Foi nesta cidade que estudei durante um semestre – na universidade de arte.
Kristiinakaupunki, Finlândia
Kristiinakaupunki, FinlandiaKristiinakaupunki: esta pequena cidade fica na Costa Ocidental da Finlândia no Golfo de Bótnia e foi outrora um importante centro de construção naval. Hoje em dia é uma pacata cidade rural e piscatória que conserva todo o seu ar pitoresco com casas de madeira de várias cores e de diferentes dimensões consoante a maior ou menor riqueza dos seus proprietários: as maiores perto da costa e as mais modestas mas afastadas para o interior da cidade.
Lappfjard, Finlândia
Lappfjard, FinlandiaLappfjard: é uma pequena vila próxima de Kristinestad. No Inverno é lindo o cenário dos campos cobertos de um manto branco de onde sobressaem os edifícios de cor, como é o caso da igreja de tijolo vermelho e do cemitério de pedras tumulares pretas.
Parkano, Finlândia
Parkano, FinlandiaParkano: é uma pequena vila como muitas outras espalhadas pelo país. Fora das grandes cidades a paisagem rural é ponteada por pequenos povoados como este, onde existem meia dúzia de casas e de estabelecimentos comerciais e a zona central da Igreja e cemitério. A Torre da Igreja de Parkano e a Igreja Velha são 2 dos edifícios que vale a pena visitar. A Igreja Velha é realmente antiga, construída de pedra um pouco tosca e que parece colocada no meio da rua. Esta pequena vila respira tranquilidade e parece parada no tempo.
Rauma, Finlândia
Rauma, FinlandiaRauma: situa-se na costa Ocidental da Finlândia, no Golfo de Bótnia. É uma das cidades mais antigas da Finlândia que cresceu a partir do século XV em torno de um mosteiro Franciscano. Apesar da destruição provocada por um grande incêndio no século XVI a cidade mantém muito do seu aspecto tradicional. Rauma é um dos melhores exemplos de arquitectura escandinava, com as suas pequenas casas de madeira coloridas, alinhadas ao longo de estreitas ruelas empedradas, que mais parecem saídas de um conto de fadas. Esta imagem pitoresca da cidade valeu-lhe a inclusão na lista de locais Património Mundial da UNESCO. Para além de percorrer as ruas da cidade antiga e deixar-se levar pela atmosfera encantadora do local, não pode deixar de visitar a Igreja da Santa Cruz (Church of Holy Cross) a mais antiga da cidade e que tem umas fabulosas pinturas no tecto. O edifício da Câmara Municipal (Raatihuone), situado na Praça do Mercado é também um bonito edifício do século XVIII com uma torre de relógio bastante singular. Se aprecia actividades ao ar livre poderá fazer caminhadas ou optar por desportos aquáticos e pesca. E estas não são actividades exclusivas no verão, no Inverno poderá dedicar-se à pesca no gelo ou dar passeios na neve (snowshoeing).
Kihnio, Finlândia
Kihnio, FinlandiaKihnio: é uma vila encantadora situada na parte Oeste da Finlândia, numa zona com inúmeros lagos e densa vegetação. A baixa densidade populacional reflete-se na estrutura da vila, com casas espalhadas por aqui e acolá salpicando de cor o amplo manto verde recortado pelos espelhos de água dos lagos. No Inverno esta paisagem azul e verde dá lugar a um manto branco de lagos gelados e árvores cobertas de neve. Nesta vila, como em muitas outras, a paisagem no Verão é completamente diferente da paisagem no Inverno o que torna imprescindível visitar a Finlândia nas duas estações para se poder ficar com a ideia precisa de como é realmente este país.
Merikarvia, Finlândia
Merikarvia, FinlandiaMerikarvia: fica na costa Oeste da Finlândia na região de Satakunta. É especialmente conhecida pela proximidade do Arquipélago Oura, que se diz ter pelo menos mais 100 horas de sol do que qualquer outro lugar do país. Este arquipélago está inserido no Parque Natural do Mar de Bótnia e é um paraíso natural e um ponto de interesse para a observação de aves. Os barcos para esta Ilha saem da marina de Krooka. A cidade de Merikarvia é bastante antiga, os primeiros habitantes começaram a instalar-se no século XIII e XIV mas podemos encontrar vestígios históricos de épocas ainda mais remotas, da Idade do Bronze e do Ferro. A Igreja de Merikarvia é a segunda maior igreja em madeira da Finlândia. Em Merikarvia podemos associar um pouco de história ao muito que a natureza do local tem para nos oferecer. No Rio Merikarvianjoki podemos desfrutar de aventura ao descer os rápidos ou ficar pela tranquilidade da pesca. Atenção que é preciso pagar uma licença para poder pescar. A cerca de 10 km fica uma bonita zona de lazer Lankoski onde se pode visitar, um moinho antigo ou ver as estátuas de gnomos, criaturas míticas que os locais acreditam serem os guardiões dos campos e que ajudam nas colheitas.
Kaskinen, Finlândia
Kaskinen, FinlandiaKaskinen: é a cidade mais pequena da Finlândia e situa-se numa ilha no Golfo de Bótnia. A cidade é pequena e por isso a melhor forma de a conhecer é a pé ou de bicicleta para percorrer as suas ruas e observar as bonitas casas de madeira. Alguns dos edifícios mais icónicos da cidade são a Bladh House (que pertenceu ao fundador da cidade), o Museu da Cidade que fica num bonito edifício e o moinho de vento Myllykallio. A antiga base para pilotos foi recentemente remodelada e oferece agora opções de alojamento, ideal para quem gosta de estar no meio da natureza. O sítio é fantástico com uma belíssima vista para o mar e com o farol a completar o cenário.
Noormarkku, Finlândia
Noormarkku, FinlandiaNoormarkku: costumava ser uma cidade independente mas desde 2010 faz parte da cidade de Pori. A história desta cidade está ligada à indústria Siderúrgica que aqui se instalou e que proporcionou o crescimento da cidade. Dos tempos áureos da Siderúrgia Ahlström ficou uma importante herança arquitectónica. O edifício mais mediático é a Villa Mairea, um exemplo de Modernismo do famoso arquitecto Alvar Aalto. A casa está aberta ao público e pode visitar-se mediante marcação prévia. No interior podem-se ainda ver obras de arte e é possível usufruir de uma visita guiada.
Ala-Honkajoki, Finlândia
Ala-Honkajoki, FinlandiaAla-Honkajoki: é uma pacata cidade bastante rural que oferece actividades ligadas à natureza por um lado e, curiosamente, é um centro de desportos motorizados. A par com a tranquilidade transmitida pela paisagem envolvente, pode-se optar pelo desafio dos desportos motorizados e ver a adrenalina a tomar conta de nós.
Círculo Polar Ártico, Finlândia
Circulo Polar Artico, FinlandiaCírculo Polar Ártico: é a linha imaginária que fica na latitude 66º 33’ 44″ e, a Norte da qual há pelo menos um dia de noite absoluta durante o Inverno, e um dia de sol (24 horas) durante o Verão. Esta linha passa por vários países, na Finlândia ela situa-se 8km a Norte da cidade de Rovaniemi. Quanto mais a norte maior o período onde acontece o “Sol da Meia-Noite”. Mais a sul pode ser visto durante os meses de Junho e Julho. Apesar de não escurecer durante as 24 horas do dia, o sol assume tonalidades diferentes, mais alaranjadas, como se fosse um pôr-do-sol. O resultado é uma luminosidade única que vai certamente fazer as delícias dos amantes da fotografia. Normalmente este “sol que nunca se põe” é aproveitado ao máximo aliando diversão como festas, passeios de barco, prática de desportos, etc. São as intermináveis “noites” de verão, uma experiência única, daquelas a fazer pelo menos uma vez na vida.
Napapiiri, Finlândia
Napapiiri, FinlandiaNapapiiri: a terra do Pai Natal existe mesmo! É aqui em Napapiiri! Napapiiri é a aldeia do Pai Natal (ou Santa Claus) e fica em Rovaniemi onde passa a linha do Círculo Polar Ártico. Este é um lugar mágico onde realidade e imaginação se conjugam para proporcionar experiências únicas a qualquer criança e, porque não, a qualquer adulto! Aqui é Natal todos os dias, a aldeia está aberta ao público todos os dias do ano, excepto em alguns feriados. É claro que uma visita a Napapiiri durante o Inverno beneficia de toda a envolvência do manto branco e torna o cenário da terra do Pai Natal mais realista, mas a aldeia é igualmente bonita no Verão e continua a oferecer muitas actividades aos visitantes.
Oulu, Finlândia
Oulu, FinlandiaOulu: é a maior cidade do Norte da Finlândia e fica na baía do Golfo de Bótnia. É uma cidade desenvolvida e conhecida por estar ligada à tecnologia. É uma cidade jovem, cheia de vida, com muitas actividades culturais e lúdicas para oferecer: festivais de música, Museu de Art Oma, Museu ao ar-livre de Turkansaari (onde se pode ficar a conhecer mais acerca das populações rurais da região) e o Centro Kierikki da Idade da Pedra onde se reproduz o modo de vida dos habitantes da margem do Rio Li há milhares de anos, na Idade da Pedra. Para percorrer a cidade pode-se optar pela bicicleta uma vez que existem boas ciclovias. Alguns monumentos de interesse a visitar no centro são: a Catedral, o edifício da Câmara Municipal e o edifício do mercado (Kauppahalli).
De Oulu pode-se apanhar um ferry para a Ilha de Hailuoto no Verão, ou atravessar o mar gelado no Inverno. Conduzir por cima do mar numa estrada de gelo ao longo de 8 km entre Oulu e a ilha de Hailuoto é certamente uma experiência única. A Ilha é relativamente pequena e oferece belíssimas paisagens verdes (no verão) ou um belíssimo cenário branco no Inverno, de onde sobressaem as casas de madeira vermelhas e os antigos moinhos de vento.
Pomarkku, Finlândia
Pomarkku, FinlandiaPomarkku: é uma pequena vila a 20km da cidade de Pori. É uma vila muito bonita, atravessada por um rio e com muita vegetação. É conhecida por ser a vila das duas igrejas por ter duas igrejas paralelas. É um destino preferencial para quem procura actividades ao ar-livre e em contacto com a natureza. Pode-se optar por fazer caminhadas sozinho ou com guias locais, pescar, fazer canoagem ou até mesmo experimentar um passeio diferente e original em carrinhos manuais que circulam pela antiga linha de caminho de ferro desactivada.
Ajos, Finlândia
Ajos, FinlandiaAjos: o porto de Ajos é uma importante plataforma logística que serve a região da Lapónia e do mar de Barents. É difícil manter a navegação marítima durante o Inverno devido ao gelo, mas o Porto de Ajos dispõe de equipamento adequado que permite a navegação durante todo o ano.
Aavasaksa, Finlândia
Aavasaksa, FinlandiaAavasaksa: fica próxima da cidade de Ylitornio e é uma montanha com cerca de 242mt de altitude, na fronteira entre a Finlândia e a Suécia. A vista panorâmica que oferece para ambos os lados – Finlândia de um lado e Suécia do outro – está incluída numa espécie de lista nacional dos lugares que proporcionam as melhores vistas no país. No cimo da montanha há uma cabana de caça que é agora um café. Também no cimo existe uma torre de observação. Este lugar está inscrito na lista de património Mundial da UNESCO pois pertence ao chamado Arco Geodésico de Struve, um conjunto de triangulações que se estendem por dez países, desde a Noruega até ao Mar Negro, e que permitiram realizar a primeira medição precisa de um grande segmento do meridiano terrestre, entre 1816 e 1855 pelo astrónomo  Friedrich Georg Wilhelm von Struve. Aavasaksa é também o ponto mais a Sul da Finlândia onde é possível ver o Sol da Meia-Noite.
Kemi, Finlândia
Kemi, FinlandiaKemi: é uma cidade na baía do Golfo de Bótnia que tem um importante porto marítimo. De facto as duas grandes atracções turísticas desta cidade giram em volta do porto. Todos os anos é construído no Porto de Kemi o Castelo de Neve, que é simultaneamente uma atracção aberta ao público, um restaurante e um hotel –  Lumilinna Snow Castle & Hotel. A outra atracção, ainda mais excêntrica, é a possibilidade de andar a bordo do gigantesco navio quebra-gelo Sampo. Vai ter a oportunidade de “quebrar o gelo”, literalmente, e aproveitar para nadar no mar gelado, porque não? Mas não se assuste, vai vestir um fato próprio de neopreno que o manterá numa temperatura “confortável” e que o ajudará a flutuar, nem é preciso saber nadar! Por incrível que pareça quando estiver no mar gelado, a água vai parecer-lhe bastante mais quente do que imaginava (contraste com a superfície de gelo, bastante mais fria).
Pihlajavesi, Finlândia
Pihlajavesi, FinlandiaPihlajavesi: é o nome de um grande lago no sul da Finlândia com cerca de 20km de largura e 40km de comprimento. No entanto toda esta extensão não é apenas água, a região do lago é formada por inúmeras ilhas, algumas de maior dimensão mas na generalidade muitos pequenos ilhéus. É uma zona de grande beleza natural onde se poderá observar aves e, com sorte, ver focas-aneladas de Saimaa, uma espécie em vias de extinção. O Lago oferece várias actividades como pesca, passeios de canoa ou de barco e nas suas margens é possível percorrer os trilhos pedestres assinalados. Nesta zona, a poucos quilómetros da cidade de Keuruu, encontramos a Igreja Antiga de Petäjävesi, um monumento inscrito na lista de Património Mundial da UNESCO. Esta igreja Luterana, construída no século XVIII é um excelente exemplo da arquitectura escandinava.
Tampere, Finlândia
Tampere, FinlandiaTampere: é uma grande cidade no sul do país. Fica num istmo entre dois lagos: o Lago Näsijärvi e o Lago Pyhäjärvi. É uma importante cidade industrial e casa da marca finlandesa mais conhecida NOKIA. É uma cidade cosmopolita que oferece inúmeras actividades culturais e é conhecida como o centro do Teatro. Há vários museus e edifícios de interesse arquitectónico para se visitar, como a igreja medieval de Messukylä (o edifício mais antigo de Tampere), a catedral de Tampere, a igreja de Alexander, num estilo neo-gótico e a igreja ortodoxa, num estilo neo-bizantino. Há ainda bonitos exemplos de Art Nouveau espalhados pela cidade como a Casa Tirkkonen, o mercado Kauppahalli, o edifício do Comércio (Commerce building), a Casa Sumelius e a Casa Palander. Para percorrer a cidade pode requisitar uma bicicleta por 10€ (mais 40€ de caução que serão depois devolvidos) num dos vários postos de bicicletas. Suba à torre de observação Pyynikki e saboreie um delicioso Donut no café na torre.
Fortaleza de Suomenlinna, Finlândia
Fortaleza de Suomenlinna, FinlandiaFortaleza de Suomenlinna: esta lindíssima fortaleza fica á entrada do Porto de Helsínquia, edificada sobre 6 ilhas. Foi mandada construir em 1747 pelo Rei Frederico I da Suécia para defender o território das invasões russas. Em 1802, as tropas do czar tomaram a fortaleza e dominaram-na durante mais de um século chamando-a Viapori. Em 1917 com a independência da Finlândia a fortaleza foi novamente rebaptizada como Suomenlinna, A Fortaleza de Suomenlinna é um lugar inscrito na lista de Património da UNESCO. Há ferries que partem de Helsínquia para a Fortaleza e a viagem é bastante curta, cerca de 15 minutos. A fortaleza de pedra funde-se com um belíssimo manto verde que cobre toda a superfície. Para conhecer a zona da fortaleza e a sua história basta seguir a rota azul, que está devidamente assinalada e ao longo da qual existem placas informativas.

Roteiros na Finlândia

Algumas ideias de roteiros para você preparar as suas férias na Finlândia de maneira independente. Itinerários de turismo na Finlândia para 5 dias.

5 Dias na Finlândia
Dia 1 Helsínquia
Dia 2 Espoo
Dia 3 Turku
Dia 4 Rauma
Dia 5 Helsínquia

5 Dias na Finlândia
Dia 1 Helsínquia
Dia 2 Rotka
Dia 3 Kouvola
Dia 4 Lappeenranta
Dia 5 Helsínquia

5 Dias na Finlândia
Dia 1 Helsínquia
Dia 2 Kotka
Dia 3 Lahti
Dia 4 Tampere
Dia 5 Helsínquia
Locais UNESCO na Finlândia
Estes são alguns dos melhores destinos para visitar na Finlândia. Os locais UNESCO Património Mundial na Finlândia são locais protegidos pela sua importância cultural ou natural.

Locais inscritos na Lista do Património Mundial na Finlândia:

  • Rauma Antiga
  • Fortaleza de Suomenlinna
  • Igreja Antiga de Petäjävesi
  • Fábrica de Madeira e Cartão de Verla
  • Sítio Funerário da Idade do Bronze de Sammallahdenmäki
  • Arco Geodésico de Struve (sítio internacional em dez países)
  • Costa Alta e Arquipélago Kvarken (sítio transfronteiriço com a Suécia)
Siga no Twitter, Facebook, Instagram e Pinterest. Partilhe esta página e deixe o seu comentário.


Deixe o seu comentário aqui:

João Leitão - O autor do blog:

VIVA! Sou o João - blogger de viagens. Com 20 anos de experiência como viajante independente, explorei mais de 128 países em África, Antártica, Ásia, Europa, América do Norte e Central, América do Sul e Oceânia. Bem-vindos ao meu blog de viagens, onde partilho informação prática de viagem para o motivar a sair de casa! Siga nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram, Pinterest e YouTube.

Kit de Viagem:

  • Onde eu reservo alojamento? Encontre os melhores hotéis e promoções através do Booking.com
  • Eu reservo sempre o meu carro online através do Rentalcars.com
  • Quer estar prevenido? Faça o seu seguro de viagem através do Worldnomads.com
  • 7 dias em Marrocos 430 euros desde Marrakech até ao Deserto do Saara através do Marrocos.com
  • Quer viajar e ter sempre Internet? Faça como eu e compre o aparelho da SkyRoam.com
* Esta página tem links de afiliados. Quando você reserva algo através deste blog, eu retenho uma pequena comissão que não altera o preço final. Obrigado!

Blog de viagens mencionado em:

Blog de viagens nos Media

« Seguir @joaoleitaoviagens no Instagram »