🐪 » Viagem de grupo 7 dias em Marrocos por 430 Euros » Marrakech até Deserto do Saara » Mais info em MARROCOS.COM « 🐪

🌍 Visitar Guatemala – Roteiros e Dicas de Viagem

Actualizado em 28 Julho, 2017
Visitar Guatemala – Roteiros e Dicas de Viagem

Visitar Guatemala – Roteiros e Dicas de Viagem

Guia de Viagem da Guatemala

Viajar na Guatemala – informação de viagem.

Tudo sobre visitar os melhores locais e destinos da Guatemala. Ideias de roteiros e itinerários com informação de alojamento, transporte, muitas galerias de fotografias, restaurantes, vídeos e mapas.

Organize as suas férias na Guatemala. Alguma pergunta ou opinião deixe um comentário no fim da página.

Nesta página você encontra:

  1. República da Guatemala – Informação prática
  2. Turismo na Guatemala – Apresentação
  3. História, Geografia e Cultura
  4. Clima e Quando ir
  5. Vídeo da Guatemala
  6. Resumo de viagem à Guatemala
  7. Guia de Viagem: artigos para consultar
  8. Roteiros na Guatemala – 5 e 8 dias
  9. Locais UNESCO na Guatemala
  10. Kit de Viagem

Obrigado.

República da Guatemala

    Bandeira Guatemala

    Bandeira da Guatemala

  • Capital: Cidade da Guatemala
  • Língua oficial: Espanhol
  • Presidente: Otto Pérez Molina
  • População 2011: 14.373.472 habitantes
  • Moeda: Quetzal
  • Área Total: 108.890 km²
  • Fuso horário: UTC-4
  • Código telefónico internacional: +502
  • Clima: Tropical
  • Visto: Não é preciso visto para a Guatemala
  • Fronteiras: México, Belize, Honduras, El Salvador
  • Locais a não perder: Lago de Atitlán, Chichicastenango, Parque Nacional de Tikal, Antigua
  • Quando visitei a Guatemala: Julho 2014
  • Mapa Guatemala

    Mapa da localização geográfica da Guatemala no Mundo

Turismo na Guatemala, Roteiros de Viagem

Lago de Atitlán, Visitar a Guatemala

Lago de Atitlán, Visitar a Guatemala

Guatemala é um país fascinante para passar férias. Antes de ir à Guatemala todos os viajantes que encontrava me diziam maravilhas do país. Realmente pude constatar que sim, é um daqueles países que ficam marcados e que certamente voltarei.

Momentos marcantes na Guatemala será o nascer do Sol no topo da pirâmide de Tikal, momento muito lindo. O mercado de Chichicastenango foi um dos locais por onde já andei que me despertaram mais interesse.

Entrei na Guatemala vindo de El Salvador e atravessei o país até ao Belize, passando pelo maravilhoso Lago de Atitlán. San Pedro La Laguna, junto ao lago, foi um dos locais que disse que podia ficar a viver uns meses tranquilamente. Adorei.

Apresentação da História, Geografia e Cultura:

Incrível e exagerada decoração de autocarro / ônibus na Guatemala

Incrível e exagerada decoração de autocarro / ônibus na Guatemala

A história da Guatemala começa no seu nome, com o significado “montanha que verte água”, relacionando-se directamente com o vulcão Agua, o qual destruiu a Cidade Velha. Este lugar foi testemunha da ascensão das civilizações Pré-Maia e Maia, sendo considerado o seu berço, mais propriamente na região de Petén. Guatemala é descoberta em 1523 pelos espanhóis, aquando da sua chegada foram confrontados pelos povos nativos Maias-Quichés, Cachiqueles e Tzutoiles, acabando os Maias e os restantes povos a subjugarem-se ao poder espanhol (sob os comandos de Pedro Alvarado). Três séculos mais tarde vivem-se duas ditaduras (de Cabrera e Ubico) até 1944, tendência que foi quebrada por um conjunto de trabalhadores que conseguiram tirar os poderes aos latifundiários e aos militares. A intenção de exploração de petróleo nos anos 70 provoca uma crise enorme, tanto financeira como social, afectando especialmente os índios do Norte. É um país que sempre fugiu da democracia e que só nos anos 90 se foi estabelecendo esta ideia de liberdade democrática.

A geografia da Guatemala prevê que este país é o terceiro maior país da América Central e que faz fronteira a Oeste e a Norte com o México, a Leste com o Belize, com o Golfo das Honduras e as Honduras e ao Sul com El Salvador e o Oceano Pacífico. Conta com uma área de 108.889 km², cuja extensão é caracterizada por muitos lagos, serras e enormes vulcões. O vulcão Tajumulco e o vulcão Tacaná estão ainda activos e atingem altitudes acimas dos 4000 metros. Perto do Pacífico encontram-se as plantações de café e cana-de-açúcar e em El Petén – Vale Motagua, encontram-se uma das regiões mais férteis da Guatemala (milho e banana), tal como um museu aberto com fósseis de dinossauros. La Sierra Madre é uma cadeia montanhosa de origem vulcânica que atravessa a Guatemala, sendo o ponto mais alto, o vulcão Tajumulco. Os tremores de terra são muito frequentes e os rios mais importantes são o Motagua, o Usumacinta, o Chixoy e o Sarstún.

A cultura da Guatemala é bastante multicultural, pois existem influências de vários povos como a civilização Maia, os mestiços, os povos da cultura Xinca e Garifuna e os europeus, que no seu conjunto completam uma mistura bastante interessante. A Cultura Ladino, cujo nome tem como significado mestiçagem, surge da mistura de mulheres espanholas e indígenas, que habitam o lado oriental e central do país. Apesar de se falar outras línguas ou dialectos a língua principal é o espanhol. A sua gastronomia é bastante rica, onde o milho tem o seu lugar de destaque, com o qual se fazem coisas deliciosas como Tortilhas, Tacos, Enchiladas, Chuchitos, etc. Sendo um dos mais fascinantes países da América Central, a Guatemala oferece a quem a visita, uma terra cheia de cor e momentos únicos. É de não perder uma visita ao Mercado de Chichicastenango, os vulcões de Quetzaltenango, tudo o que envolva a impressionante civilização Maia, tal como subir as Montanhas de Nebaj.

Clima e Quando ir:

Para saber quando ir à Guatemala, você precisa de se informar um pouco melhor acerca das suas estações e clima. A altura mais aconselhável à sua visita poderá ser nos meses de Verão da Guatemala, no entanto, todo o ano é boa altura para viajar para este país.

O clima da Guatemala é tropical quente e muito húmido. Conta com duas estações distintas: a estação seca compreende os meses entre Junho a Outubro, com temperaturas altíssimas em conjunto com a humidade (média de 38ºC), isto na costa caribenha. Em contraste, as noites são geladas nas Montanhas.

Vídeo de procissão religiosa em San Pedro la Laguna

O que visitei / Resumo de viagem à Guatemala

Por ordem de visita.

Antigua, Guatemala
AntiguaAntigua: É uma cidade muito antiga, que foi a capital do país até final do século XVIII. Depois do grande terramoto que devastou a cidade em 1773, a capital mudou-se para a Cidade da Guatemala . Os principais monumentos de estilo barroco de influência hispânica mantêm-se preservados como ruinas. Ao lado das ruinas há edifícios lindos, bem conservados, com belíssimos trabalhos em estuque nas fachadas e também no interior. Da cidade avista-se o vulcão Pacaya. Pode-se subir até ao cimo do vulcão, não é possível ver lava dentro da cratera, mas vale a pena a dura caminhada para desfrutar da beleza natural e da vista sobre a cidade.A religião (católica) faz parte da identidade da cidade e dos seus habitantes. Há vários monumentos religiosos, como a catedral de San José, Igreja de la Merced ou o Arco de Santa Catalina que pertencia a um mosteiro. A não perder uma visita a um mercado de rua para apreciar a essência do modo de vida da população.
Lago de Atitlán, Guatemala
Lago de AtitlánLago de Atitlán: É um dos maiores lagos do mundo. Está cercado por 3 vulcões, subindo a um deles temos a visão de uma paisagem de cortar a respiração. As aldeias em redor do lago são de origem Maia e conservam ainda hoje os seus usos e costumes. A par da beleza natural da região, o estado natural e primitivo do povo são uma grande atracção turística.
San Pedro La Laguna, Guatemala
San Pedro La LagunaSan Pedro La Laguna: Fica na margem do Lago Atitlán e é um destino muito procurado por viajantes. A não perder subir a montanha conhecida por Nariz de Indio (por se parecer com a face de um Maia) e ver o nascer do sol lá do cimo, com o lago cá em baixo a refletir as fantásticas cores do céu.
Chichicastenango, Guatemala
ChichicastenangoChichicastenango: Fica a quase 2000m de altitude e é uma aldeia Maia. Tradições e rituais milenares são aqui ainda praticados. Para além da cultura Maia um dos principais atractivos da aldeia é o mercado de rua, Mercado Chichi, que se realiza às Quintas e Domingos e onde se pode encontrar de tudo, inclusive o artesanato e os famosos têxteis maias.
San Juan Cotzal, Guatemala
San Juan CotzalSan Juan Cotzal: É uma pequena aldeia onde se pode experienciar como vivem estes povos indígenas. É possível alugar um quarto numa casa típica, que foram preparadas para este efeito, já com algumas comodidades para oferecer ao turista. Em termos de beleza natural, a não perder a visita à Cascata de Chichel ou à de Santa Avelina.
Cobán, Guatemala
CobánCobán: Em volta da cidade de Cobán encontramos várias aldeias indígenas espalhadas pelas montanhas. Pode-se esperar bonitas paisagens naturais e zonas remotas selvagens. A cerca de 2 horas de viagem situa-se o parque Semuc Champey, um verdadeiro paraíso, com paisagens lindas, piscinas naturais de água cristalina, grutas e muitos trilhos por explorar.
Flores, Guatemala
FloresFlores: É a única cidade com um aeroporto internacional na Guatemala, para além da capital. Flores é uma pequena ilha situada no Lago Petén Itza. Perto podemos visitar as Ruinas de Uaxactun, pouco visitadas devido à menor dimensão que as de Tikal e também devido ao difícil acesso.
Parque Nacional de Tikal, Guatemala
Parque Nacional de TikalParque Nacional de Tikal: Este local está para a Guatemala como Machu Pichu para o Peru. Neste parque podemos ver as ruinas de uma das maiores e mais antigas cidades Maias. As ruinas ficam no meio da floresta escondidas entre a vegetação, um cenário único e encantador.
Melchor de Mencos, Guatemala
Melchor de MencosMelchor de Mencos: Esta cidade é a única fronteira terrestre entre o Belize e a Guatemala. É por isso local de passagem de muitos viajantes. No município há dois complexos arqueológicos: Yaxha e Tzikin Tzakan, ambas ruinas da era Maia.

Roteiros na Guatemala

Algumas ideias de roteiros para você preparar as suas férias na Guatemala de maneira independente. Itinerários de turismo na Guatemala de 5 ou 8 dias.

5 Dias: Chichicastenango - Lago Atitlán
Dia 1 Cidade de Guatemala – parte velha da cidade
Dia 2 Mercado de Chichicastenango
Dia 3 San Pedro La Laguna
Dia 4 San Pedro La Laguna
Dia 5 San Pedro La Laguna – Guatemala City
8 Dias: Cidades Históricas - Lago Atitlán - Tikal
Dia 1 Cidade de Guatemala – parte velha da cidade – Antigua
Dia 2 Antigua
Dia 3 Antigua – Chichicastenango – Lago Atitlán
Dia 4 Lago Atitlán
Dia 5 Lago Atitlán – Cidade de Guatemala
Dia 6 Cidade de Guatemala – Flores – Yaxhá – Tikal
Dia 7 Tikal – Flores – Cidade de Guatemala
Dia 8 Cidade de Guatemala
Locais UNESCO na Guatemala
Estes são alguns dos melhores destinos para visitar na Guatemala. Os locais UNESCO Património Mundial na Guatemala são locais protegidos pela sua importância cultural ou natural.

Locais inscritos na Lista do Património Mundial na Guatemala:

  • Parque Nacional de Tikal
  • Antigua Guatemala
  • Parque Arqueológico e Ruínas de Quirigua

Deixe o seu comentário aqui:

João Leitão - O autor do blog:

VIVA! Sou o João - blogger de viagens. Com 20 anos de experiência como viajante independente, explorei mais de 128 países em África, Antártica, Ásia, Europa, América do Norte e Central, América do Sul e Oceânia. Bem-vindos ao meu blog de viagens, onde partilho informação prática de viagem para o motivar a sair de casa! Siga nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram, Pinterest e YouTube.

Kit de Viagem:

  • Onde eu reservo alojamento? Encontre os melhores hotéis e promoções através do Booking.com
  • Eu reservo sempre o meu carro online através do Rentalcars.com
  • Quer estar prevenido? Faça o seu seguro de viagem através do Worldnomads.com
  • 7 dias em Marrocos 430 euros desde Marrakech até ao Deserto do Saara através do Marrocos.com
  • Quer viajar e ter sempre Internet? Faça como eu e compre o aparelho da SkyRoam.com
* Esta página tem links de afiliados. Quando você reserva algo através deste blog, eu retenho uma pequena comissão que não altera o preço final. Obrigado!

Blog de viagens mencionado em:

Blog de viagens nos Media

« Seguir @joaoleitaoviagens no Instagram »