Joao Leitao VIAGENS - blogue de viagem

Israel, Estado de Israel

  • Capital: Jerusalém
  • Língua oficial: Hebraico e árabe
  • Presidente: Shimon Peres
  • População 2009: 7.401.400 habitantes
  • Moeda: Novo shekel
  • Área Total: 20.770 km²
  • Fuso horário: UTC+2 – Verão UTC+3
  • Código telefónico internacional: +972
  • Clima: Mediterrânico, árido
  • Visto: Não é preciso visto para cidadãos portugueses. É necessário passaporte.
  • Fronteiras: Líbano ao norte, Síria e Jordânia ao leste e Egipto a sudoeste. Cisjordânia e Faixa de Gaza.
  • Locais a não perder: Jerusalém, Massada, Eilat, o Mar Morto, ruínas de Scythopolis em Beit Shean, Parque Nacional de Bar’am, Tel Aviv, cascata Nahal Arugot em Ein Gedi, Cesareia, Templo de Báb no Centro Mundial Bahá’í em Haifa.
  • Quando visitei Israel: Fevereiro 2008

Viajar em Israel – Visitar Israel

Vista de Jerusalém em Fevereiro 2008

Israel é um país no Médio Oriente que faz fronteira a norte com o Líbano, Síria e Jordânia ao leste e Egito a sudoeste. Duas zonas da Palestina: a Cisjordânia e a Faixa de Gaza são enclaves dentro de Israel. Gostei muito de visitar Israel. Toda a região está plena de uma calma e energia de tranquilidade mesmo nas zonas mais tensas e mesmo com a guerra e com a forte presença militar.

Israel é um lugar com muita história, fascinante vaguear pelo território e descobrir pequenos lugares e viver momentos únicos nestas terras. Israel é dividido entre muitas religiões: judeus, cristãos e muçulmanos, havendo espalhado pela região muitos edifícios sagrados para todas estas religiões.

Muita gente que visita esta página tem ideia de Israel como um estado em soberania na região, mas veja-se a história, e, nos últimos 50 anos invadiram território jordano, Líbano, palestino e egípcio. Ainda mais que nós agora criticamos palestinos por defenderem a sua terra com bombas mas não esqueçamos que o primeiro atentado terrorista na região foi pelos Judeus com a explosão que rebentou o Hotel King David no Cairo e marcou assim o início da luta pela independência judaica na Palestina. Ou seja, nesta explosão morreu o ministro de estado britânico Lord Moyne. A partir daí Inglaterra cedeu e declarou Israel como Estado. Que exemplo tiveram os palestinianos com isto?

Na minha viagem aluguei um carro na cidade de Eilat a sul na fronteira com o Egipto junto ao Mar Vermelho, e guiei ao longo do Mar Morto, entrei na Palestina em Jericó, segui para Jerusalém, entrei novamente na Palestina em Belém e segui de novo para sul até Eilat onde deixei o carro e passei para o Egipto para continuar viagem.

Mapa de Israel

Partilhas
Siga João Leitão VIAGENS no Google+

Deixe aqui o seu comentário ou opinião. Obrigado

E-book de Viajar no Iraque

Depois de uma aventura fantástica, escrevi um diário de viagem dos 13 dias saindo de Istambul até ao Norte do Iraque. Compre o meu eBook de viagens. ebook viagens

Pesquise Hotéis

Quer Viajar em Marrocos?

marrocos
Partilhas