🐪 » 7 dias em Marrocos 430 euros desde Marrakech até ao Deserto do Saara através do Marrocos.com « 🐪

🌍 Visitar Jordânia – Roteiros e Dicas de Viagem

Actualizado em 6 Maio, 2017
Visitar Jordânia - Roteiros e Dicas de Viagem

Visitar Jordânia – Roteiros e Dicas de Viagem

Guia de Viagem da Jordânia

Viajar na Jordânia – informação de viagem.

Tudo sobre visitar os melhores locais e destinos da Jordânia. Ideias de roteiros e itinerários com informação de alojamento, transporte, muitas galerias de fotografias, restaurantes, vídeos e mapas.

Organize as suas férias na Jordânia. Alguma pergunta ou opinião deixe um comentário no fim da página.

Nesta página você encontra:

  1. Reino Hashemita da Jordânia – Informação prática
  2. Turismo na Jordânia – Apresentação
  3. História, Geografia e Cultura
  4. Clima e Quando ir
  5. Vídeo da Jordânia
  6. Resumo de viagem à Jordânia
  7. Guia de Viagem: artigos para consultar
  8. Roteiros na Jordânia – 7, 8 e 13 dias
  9. Locais UNESCO na Jordânia
  10. Kit de Viagem

Obrigado.

Reino Hashemita da Jordânia

Bandeira Jordania

Bandeira da Jordânia

  • Capital: Amã.
  • Língua oficial: Árabe.
  • Rei: Abdullah II.
  • População 2015: 6.721.882 habitantes.
  • Moeda: Dinar jordano.
  • Área Total: 89.342 km².
  • Fuso horário: UTC +2.
  • Código telefónico internacional: +962.
  • Clima: Semi-seco.
  • Visto: Para portugueses e brasileiros pode-se fazer um visto à chegada mediante pagamento.
  • Fronteiras: Arábia Saudita, Iraque, Síria, Israel e Palestina.
  • Locais a não perder: Petra, Aqaba, Wadi Rum.
  • Quando visitei a Jordânia: Fevereiro 2008.
Mapa Jordania

Mapa da localização geográfica da Jordânia no Mundo

Turismo na Jordânia, Roteiros de Viagem

A Câmara do Tesouro em Petra, Visitar a Jordânia

A Câmara do Tesouro em Petra, Visitar a Jordânia

Jordânia é um país fascinante para passar férias.

Visitei a Jordânia cruzando a fronteira desde Israel. Daqui parti para visitar a cidade de Aqaba, as famosas ruínas de Petra, o impressionante deserto de Wadi Rum e ainda o histórico Caminho dos Reis.

O país é cheio de surpresas agradáveis, com uma gastronomia deliciosa, gente muito acolhedora e simpática e locais lindos para visitar. Sem dúvida que a Jordânia é um país para repetir, e por isso quero voltar um dia para visitar mais coisas.

Apresentação da História, Geografia e Cultura:

Jordânia

A história da Jordânia teve o seu início no ano 2000 a.C., com o estabelecimento do povo Semita, perto do Rio Jordão. Sendo uma região bastante atraente, existiram situações de invasões de muitos outros povos, nomeadamente, dos persas, gregos, romanos, egípcios, israelitas, assírios, babilónios, árabes, turcos otomanos e britânicos. A Coroa Inglesa, após a Primeira Grande Guerra, colonizou este lugar, em conjunto com os seus países vizinhos, a qual dividiu a sua administração com o príncipe hachemita Abdullah. Foi em 1946, que a Jordânia se tornou independente, passando a chamar-se “Reino Hachemita da Transjordânia”. Este reino sempre foi contra a criação de Israel, sendo mais tarde, denominado como o Reino Hachemita da Jordânia. De acordo assinado com o Egipto de defesa mútua (1967), entrou em cena na guerra contra Israel e os Estados Árabes da Síria. Após inúmeros conflitos, inclusivamente a Guerra do Golfo, entre outras, a Jordânia mantém a paz com os países vizinhos.

A geografia da Jordânia conta com a área territorial de 92 300 Km2, localizada no Sudoeste Asiático, mais propriamente, no Médio Oriente. Este país faz fronteira a Norte com a Síria, a Nordeste com o Iraque, a Sul e a Sudeste com a Arábia Saudita e a Oeste com Israel. O cenário paisagístico aqui presente é composto, essencialmente, por um enorme planalto pouco recortado, uma vez que o relevo vai gradualmente subindo desde as zonas baixas até aos montes mais altos. No entanto, na zona Ocidental, encontramos um terreno mais acidentado, representado pelas cadeias montanhosas onde existe uma descida íngreme desde o topo ao ponto mais baixo, mais propriamente, à depressão que liga o Mar Vermelho ao Rio Jordão e ao Mar Morto. O ponto mais alto da Jordânia é o Monte Jabal Umm ad Dami, com 1754 metros de altitude. Resumindo, toda a Jordânia é representada por um relevo desértico, ou semi-desértico.

A cultura da Jordânia conta com um aglomerado de grupos étnicos, bastante variados, que resulta no que hoje conhecemos como o povo jordão. É um país totalmente árabe, onde a sua população é bastante anfitriã e muito simpática, conhecido como um lugar que dá primazia à tolerância e com uma postura bastante pacífica. Existe imensa expressão artística na Jordânia, pois este país recebe de braços abertos artistas vítimas de violência de países vizinhos. As mulheres têm muitos direitos, relativamente a outros países árabes, pois podem estudar até quando quiserem, têm direito ao voto, tal como podem tirar a carta de condução e, existem casos de sucesso de chefias de mulheres em grandes empresas e/ou na política. No entanto, ainda se fazem os ditos “casamentos combinados”, limitando as escolhas pessoais dos noivos. A língua oficial é o Árabe, embora se fale habitualmente Inglês, tal como outros idiomas europeus. O Mansaf, é um prato típico jordão, confeccionado com borrego, arroz e iogurte “jammed”.

Clima e Quando ir:

Para saber quando ir à Jordânia você precisa de se informar um pouco melhor acerca das suas estações e clima. A melhor altura para visitar a Jordânia é entre os meses de Setembro e Outubro, tal como entre os meses de Abril e Maio, uma vez que apresentam as temperaturas ideais para a sua visita.

O clima da Jordânia é mediterrâneo, pois está bastante próximo ao mar, no entanto’ apresenta também um clima árido e seco na zona Leste e Sul. Nas montanhas existe muita precipitação, onde durante os meses de Novembro a Abril se registam temperaturas baixas e muita humidade e, nos meses entre Maio a Outubro, o tempo é quente e seco. Esta região é marcada pelo vento siroco ou Khamsin, que quando sopra, aumenta consideravelmente, as temperaturas.

Aqaba to Wadi Rum: From Waves to Dunes

Vídeo promocional do Turismo da Jordânia.

O que visitei / Resumo da viagem à Jordânia

Por ordem de visita.

Wadi Rum, Jordânia
Wadi RumWadi Rum: fica no sul da Jordânia e faz fronteira com a Arabia Saudita. Fica a cerca de 60km de Aqaba e 113km de Petra. Wadi Rum é apelidado de “Vale da Lua” pela sua paisagem que parece lunar. É uma zona de deserto plano entrecortada por altas formações rochosas, muitas delas com formas a que foram dados nomes, como a Ponte da rocha de Burdah, o Cogumelo e os Sete Pilares da Sabedoria. A areia do deserto de Wadi Rum é vermelha e, dependendo das condições climatéricas (sol, vento) esta cor pode ser tão viva que parece fogo. Imagine ver um pôr-do-sol a reflectir nestas areias vermelhas, uma experiência a não perder!
Apesar de ser uma zona de deserto, esta região é povoada há mais de doze mil anos. Pode-se ver as ruínas de um antigo templo Nabateu e vestígios de arte rupestre. À entrada de Wadi Rum fica a pequena aldeia de Rum, depois deserto adentro as povoações são nómadas, tribos de beduínos (Zalabia, Zuwaydeh e Swalhiyeen), que mantêm em parte um estilo de vida nómada e que se dedicam agora ao turismo. Para explorar esta região terá um guia local de uma destas tribos e poderá fazê-lo de jipe 4×4 ou de dromedário (o primeiro mais rápido e o segundo mais genuíno). Pode ainda experimentar fazer sandboard, caminhadas ou alpinismo, para os mais aventureiros e experientes. Passar uma noite numa tenda (há várias tendas que oferecem várias comodidades como casa de banho) no deserto de Wadi Rum é daquelas experiências únicas. Na imensidão e escuridão do deserto contemplar as estrelas no céu vai levá-lo a outra dimensão. Aqui foi filmado grande parte do filme Lawrence da Arábia.
Caminho dos Reis, Jordânia
Caminho dos ReisCaminho dos Reis: é uma rota histórica, diz-se ser o caminho que Moisés tomou para levar o seu povo para Norte. Começa em Heliópolis no Egipto e vai até Nesafa na Jordânia, estendendo-se por um total de 335km. Foi uma importante rota de caravanas, rota de peregrinação para cristãos, importante via (Via Regia) para o exército Romano e mais tarde a rota dos peregrinos muçulmanos a caminho de Meca. Com a construção de outras vias a Estrada dos Reis passou a ser um itinerário secundário sendo agora, essencialmente, uma rota turística. O caminho dos Reis forma uma imagem singular na paisagem do deserto, uma estrada que parece uma serpente a percorrer as montanhas rochosas. Ao longo do caminho encontramos muitos vestígios de civilizações pré-históricas, locais bíblicos e paisagens que parecem retiradas dos contos das Mil e Uma Noites. As principais paragens são a cidade histórica de Madaba, os castelos dos Cruzados em Karak e Shobak e a Reserva Natural de Dana.
Petra, Jordânia
PetraPetra: situa-se num grande vale que vai do Mar Morto ao Golfo de Aqaba, no sudoeste da Jordânia. A região onde fica Petra foi ocupada por vários povos desde os tempos pré-históricos e sofreu muitas incursões por parte das tribos de Israel, Romanos e Otomanos. A cidade de Petra esteve escondida durante séculos tendo sido descoberta há 200 anos, mas só há pouco tempo passou a fazer parte dos roteiros de turismo de massas. Petra é um dos lugares mais incríveis do mundo, um verdadeiro cenário de filmes, como aliás foi no muito conhecido filme “Indiana Jones e a última Cruzada”, entre outros. Os locais mais espantosos desta cidade, de edifícios com fachadas helenísticas escavados na rocha, são: El Khazna (o Tesouro, que é o monumento que aparece em todas as brochuras de Petra), Siq (o caminho estreito entre o desfiladeiro que nos leva até ao El Khazna), os túmulos reais, o mosteiro Al Dayr (no alto de uma montanha), o Altar dos Sacrifícios (daqui tem-se a vista mais abrangente sobre os desfiladeiros e toda a área com os vários monumentos arqueológicos), Al-Beidha (Pequena Petra, que pode parecer pobre depois de se ver os principais monumentos de Petra), a Igreja Bizantina (com mosaicos bizantinos) só para referir os mais imponentes, pois em Petra tudo se reveste de um encanto mágico. Petra é Património Mundial da UNESCO desde 2007.

Roteiros na Jordânia

Algumas ideias de roteiros para você preparar as suas férias na Jordânia de maneira independente. Itinerários de turismo na Jordânia de 5, 7 ou 8 dias.

5 Dias na Jordânia

Dia 1 Amman
Dia 2 Jerash – Petra
Dia 3 Petra
Dia 4 Shobak – Amman
Dia 5 Amman

1 semana na Jordânia
Dia 1 Amman
Dia 2 Wadi Rum
Dia 3 Wadi Rum
Dia 4 Petra
Dia 5 Petra
Dia 6 Madaba – Jerash
Dia 7 Amman
8 Dias na Jordânia

Dia 1 Amman
Dia 2 Amman – Jerash – Umm Quais
Dia 3 Amman – Wadi Rum – Petra
Dia 4 Petra
Dia 5 Petra – Kerak – Wadi Mujib – Mar Morto
Dia 6 Mar Morto
Dia 7 Mar Morto – Madaba – Montanha Nebo
Dia 8 Amman

Locais UNESCO na Jordânia
Estes são alguns dos melhores destinos para visitar na Jordânia. Os locais UNESCO Património Mundial na Jordânia são locais protegidos pela sua importância cultural ou natural.

Locais inscritos na Lista do Património Mundial na Jordânia:

  • Petra
  • Qusair Amra
  • Um er-Rasas (Kastrom Mefa’a)
  • Área Protegida de Wadi Rum
  • Betânia do Além-Jordão



Kit de Viagem:

  • Onde eu reservo alojamento? Encontre os melhores hotéis e promoções através do Booking.com
  • Eu reservo sempre o meu carro online através do Rentalcars.com
  • Quer estar prevenido? Faça o seu seguro de viagem através do Worldnomads.com
  • 7 dias em Marrocos 430 euros desde Marrakech até ao Deserto do Saara através do Marrocos.com
  • Quer viajar e ter sempre Internet? Faça como eu e compre o aparelho da SkyRoam.com

Deixe o seu comentário aqui:

Os comentários deste blog de viagens são via facebook.







Siga nas redes sociais:

Facebook Twitter Google+ Instagram Pinterest YouTube Blog Lovin

Blog de viagens mencionado em:

Blog de viagens nos Media

📷 Seguir @joaoleitaoviagens no Instagram