🐪 » Viagem de grupo 7 dias em Marrocos por 430 Euros » Marrakech até Deserto do Saara » Mais info em MARROCOS.COM « 🐪

🌍 Visitar Malásia – Roteiros e Dicas de Viagem

Actualizado em 28 Julho, 2017
Visitar Malásia – Roteiros e Dicas de Viagem

Visitar Malásia – Roteiros e Dicas de Viagem

Guia de Viagem da Malásia

Viajar na Malásia – informação de viagem.

Tudo sobre visitar os melhores locais e destinos da Malásia. Ideias de roteiros e itinerários com informação de alojamento, transporte, muitas galerias de fotografias, restaurantes, vídeos e mapas.

Organize as suas férias na Malásia. Alguma pergunta ou opinião deixe um comentário no fim da página.

Nesta página você encontra:

  1. Malásia – Informação prática
  2. Turismo na Malásia – Apresentação
  3. História, Geografia e Cultura
  4. Clima e Quando ir
  5. Vídeo da Malásia
  6. Resumo de viagem à Malásia
  7. Guia de Viagem: artigos para consultar
  8. Roteiros na Malásia – 5, 7 e 8 dias
  9. Locais UNESCO na Malásia
  10. Kit de Viagem

Obrigado.

Malásia

Bandeira Malasia

Bandeira da Malásia

  • Capital: Kuala Lumpur
  • Língua oficial: Malaio e inglês
  • Rei: Abdul Halim
  • População 2008: 27.730.000 habitantes
  • Moeda: Ringgit
  • Área Total: 329.847 km²
  • Fuso horário: UTC +8
  • Código telefónico internacional: +60
  • Clima: Clima tropical
  • Visto: Não é preciso visto. É preciso passaporte.
  • Fronteiras: Indonésia, Tailândia
  • Locais a não perder: Penang, Kuala Lumpur, Malacca, Perhentian Besar
  • Quando visitei a Malásia: Outubro 2014
  • Mapa Malásia

    Mapa Malásia

Turismo na Malásia, Roteiros de Viagem

Vista de Kuala Lumpur da janela do meu quarto no 35º andar - Viajar na Malásia

Vista de Kuala Lumpur da janela do meu quarto no 35º andar, Visitar a Malásia

A Malásia é um país fascinante para passar férias.

Visitei a Malásia durante uma semana, na verdade não estava nos planos de viagem vir a este país, mas devido a troca de bilhete de avião e depois de ter visitado Singapura, meti 1 semana de viagem por 3 destinos da Malásia, antes de ir para a China.

Gostei muito da comida da Malásia, que tem uma boa variedade vegetariana, muito colorida e saborosa. A Malásia é um país que mistura cultura hindu, cristã e muçulmana.

Ficou então uma breve visita para conhecer Kuala Lumpur, Penang e Malaca e abrir o apetite para voltar num futuro próximo.

Apresentação da História, Geografia e Cultura:

Bandeira da Malásia

Bandeira da Malásia

A história da Malásia foi imensamente marcada pela sua localização, pois encontra-se no Estreito de Malaca, entre os Oceanos Pacífico e Índico. Todos os navegadores se sentiram atraídos por este bocado de terra, nomeadamente os portugueses, indonésios, muçulmanos, holandeses, britânicos, entre outros. Foi aquando da chegada dos europeus, mais propriamente dos portugueses, aos comandos de Afonso de Albuquerque, que Malaca foi conquistada pela primeira vez, no ano de 1511. Tornou-se colónia de Portugal, mais conhecida como Malaca Portuguesa e, foi rapidamente construída a “Famosa”, que abrangia uma igreja e uma fortaleza militar. Os holandeses entram em cena e conquistam Malaca em 1641, sendo que em 1786 os ingleses conquistam este território e fundam Singapura (1819). No entanto, durante a Segunda Guerra Mundial a Malásia esteve sob controlo por parte do Japão, tendo ficado unicamente sob domínio britânico, a ilha de Singapura. Tornaram-se independentes do Reino Unido, via Commonwealth, em 1957, sendo que Singapura tornou-se independente da Malásia em 1965.

A geografia da Malásia conta com a área territorial de 329 750 Km2, que se localiza no Sudeste Asiático, considerada a ponte natural que liga a Ásia continental e a Indonésia. Este território divide-se em duas áreas, a Península Malaia e a Ilha de Bornéu (Malásia Oriental), ambas banhadas pelo Mar da China Meridional. A Malásia (peninsular), faz fronteira a Norte com a Tailândia, a Sul com Singapura e a Sueste, se atravessarmos o Estreito de Malaca, encontraremos a Ilha de Samatra (Indonésia). O cenário paisagístico é, principalmente, composto por planícies e cadeias montanhosas que atingem os 2189 metros de altitude em Gunung Tahan ou os 4094 metros de altitude em Gunung Kinabalu. É possível visitar grutas e cataratas incríveis, embora não tenha nenhum rio de grande interesse. Pelo território a fora encontramos densas e húmidas florestas tropicais, onde encontramos um dos ecossistemas mais interessantes do planeta, havendo todo o cuidado por parte da população e dos agentes políticos para evitar a sua destruição.

A cultura da Malásia é bastante ecléctica, pois conta com muitos grupos étnicos que co-existem no mesmo território, nomeadamente malaios, chineses e indianos, tal como com menores comunidades – eurasiáticos, cambojanos, vietnamitas e tribos indígenas. Os Malaios estão em maioria, falam malaio e são muçulmanos; os chineses são budistas, taoístas ou cristãos e estão mais dentro dos negócios do país – falam cantonês, fukien ou hakka; e os indianos, são a minoria, crentes do hinduismo, falam tamil, telugu ou hindi e têm a particularidade de viverem nas grandes cidades. Esta multi-culturalidade existe de uma forma bastante respeitosa, pelas tradições e religiões de cada comunidade, vivendo no mesmo espaço territorial em harmonia. A Música é um elemento chave na sociedade malaia, que tomou as fórmulas musicais da China e as sonoridades islâmicas, onde usam bastante o tambor (gendang), o rebab (instrumento de corda), o serunai (uma versão do oboé) e que conjugam à arte da dança, momento indispensável na comunidade malaia.

Clima e Quando ir:

Para saber quando ir à Malásia você precisa de se informar um pouco melhor acerca das suas estações e clima. A melhor altura para visitar a Malásia é durante os meses de Junho e Agosto, pois representam os meses com menos chuva.

O clima da Malásia é equatorial, bastante quente e húmido, onde também ocorrem algumas situações de chuva de monção. Os meses de Outubro a Fevereiro, a monção de Nordeste, traz por norma, muitas chuvas fortes ao longo da costa, no Nordeste de Sabah e no Sarawak Ocidental. A monção de Sudoeste, menos húmida que a do Nordeste, ocorre entre Junho e Setembro, na zona Sul Ocidental de Sabah. As temperaturas mínimas registadas na Malásia são de 20º C, enquanto que as máximas vão acima dos 30º C.

O que visitei / Resumo de viagem à Malásia

Por ordem de visita.

Malaca, Malásia
MalacaMalaca: Cidade com uma história fascinante onde cultura malaia, portuguesa, holandesa e inglesa se misturam e criam um mundo arquitectónico único. A zona histórica da cidade é local UNESCO Património Mundial da Humanidade. Na zona portuguesa (Portuguese settlement) várias pessoas falam ainda português e pode-se visitar um museu com a história lusa nesta região da Ásia. O senhor do museu fala português e é o mesmo senhor que vende fruta na praça também. Muito interessante.
Kuala Lumpur, Malásia
Kuala LumpurKuala Lumpur: Super capital da Malásia, Kuala Lumpur mistura modernidade de construção e uma vida tradicional e religiosa pela parte de muitos dos seus habitantes. Visitei as Grutas de Batu, o centro histórico junto à Praça da Independência e fiquei alojado na casa de um amigo meu no 35º andar. A vista da janela do meu quarto dava directamente para as famosas Torres Petronas.
George Town, Malásia
George TownGeorge Town: Cidade capital da região de Penang. A zona histórica da cidade é local UNESCO Património Mundial da Humanidade. Cheguei aqui vindo de ferry-boat desde a cidade de Butterworth depois de ter apanhado um autocarro / ônibus desde Kuala Lumpur.
Air Itam, Malásia
Air ItamAir Itam: A alguns kms de distância da cidade de George Town fica o famoso Templo de Kek Lok Si. Conhecido como o maior templo budista no Sudeste Asiático, o Templo de Kek Lo Si mistura rituais budistas Mahayana com rituais budistas chineses.

Roteiros na Malásia

Algumas ideias de roteiros para você preparar as suas férias na Malásia de maneira independente. Itinerários de turismo na Malásia para 5, 7 e 8 dias.

5 Dias na Malásia
Dia 1 Melaka
Dia 2 Kuala Lumpur
Dia 3 Kepala Batus – Penang
Dia 4 Penang – Ilha Langkawi
Dia 5 Langkawi

1 semana na Malásia
Dia 1 Kuching
Dia 2 Parque Nacional Bako
Dia 3 Kuching
Dia 4 Parque Nacional Niah
Dia 5 Parque Nacional Mulu
Dia 6 Limbang
Dia 7 Kota Kinabalu

8 Dias na Malásia
Dia 1 Kota Kinabalu
Dia 2 Dusun
Dia 3 Parque Nacional Kinabalu
Dia 4 Rio Kinabatangan
Dia 5 Sandakan
Dia 6 Ilha Turtle
Dia 7 Reserva Orangotano Sepilok
Dia 8 Kota Kinabalu

Locais UNESCO na Malásia
Estes são alguns dos melhores destinos para visitar na Malásia. Os locais UNESCO Património Mundial na Malásia são locais protegidos pela sua importância cultural ou natural.

Locais inscritos na Lista do Património Mundial na Malásia:

  • Parque Kinabalu
  • Parque Nacional Gunung Mulu
  • Malaca e George Town, Cidades históricas do Estreito de Malaca
  • Património arqueológico do Vale de Lenggong

Deixe o seu comentário aqui:

João Leitão - O autor do blog:

VIVA! Sou o João - blogger de viagens. Com 20 anos de experiência como viajante independente, explorei mais de 128 países em África, Antártica, Ásia, Europa, América do Norte e Central, América do Sul e Oceânia. Bem-vindos ao meu blog de viagens, onde partilho informação prática de viagem para o motivar a sair de casa! Siga nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram, Pinterest e YouTube.

Kit de Viagem:

  • Onde eu reservo alojamento? Encontre os melhores hotéis e promoções através do Booking.com
  • Eu reservo sempre o meu carro online através do Rentalcars.com
  • Quer estar prevenido? Faça o seu seguro de viagem através do Worldnomads.com
  • 7 dias em Marrocos 430 euros desde Marrakech até ao Deserto do Saara através do Marrocos.com
  • Quer viajar e ter sempre Internet? Faça como eu e compre o aparelho da SkyRoam.com
* Esta página tem links de afiliados. Quando você reserva algo através deste blog, eu retenho uma pequena comissão que não altera o preço final. Obrigado!

Blog de viagens mencionado em:

Blog de viagens nos Media

« Seguir @joaoleitaoviagens no Instagram »