🐪 Venha conhecer Marrocos « Viagem de grupo 7 dias por 430 Euros » Marrakech até Deserto do Saara 🐪

Visitar Quénia – Roteiros e Dicas de Viagem

João Leitão
Actualizado em 10 Setembro, 2018
Visitar Quénia – Roteiros e Dicas de Viagem

Visitar Quénia – Roteiros e Dicas de Viagem

Guia de Viagem do Quénia

Viajar no Quénia – informação de viagem.

Tudo sobre visitar os melhores locais e destinos do Quénia. Ideias de roteiros e itinerários com informação de alojamento, transporte, muitas galerias de fotografias, restaurantes, vídeos e mapas.

Organize as suas férias no Quénia. Alguma pergunta ou opinião deixe um comentário no fim da página.

Nesta página você encontra:

  1. Turismo no Quénia – Apresentação
  2. História, Geografia e Cultura
  3. Vídeo do Quénia
  4. Resumo de viagem ao Quénia
  5. Guia de Viagem: artigos para consultar
  6. Roteiros no Quénia – 6 e 10 dias
  7. Locais UNESCO no Quénia
  8. Kit de Viagem

Obrigado.

Turismo no Quénia, Roteiros de Viagem

Orfanato de elefantes, Visitar Quenia

Orfanato de elefantes, Visitar Quenia

O Quénia é um país fascinante para passar férias.

O Quénia é um dos tais países africanos que marcam. Servindo de modelo para muitas outras nações no continente, o Quénia oferece muitos destinos lindos para fazer uma boa viagem.

Fiquei uns dias na capital – Nairóbi, e do Quénia apanhei um autocarro (ônibus) para o Uganda. Queria ver mais na vinda, mas como apanhei malária na República Democrática do Congo, voltei a Nairóbi mas não vi mais nada do país.

Apresentação da História, Geografia e Cultura:

Nairobi QueniaA história do Quénia inicia-se há cerca de 20 milhões de anos atrás, segundo estudos arqueológico feitos neste local, uma vez que foram descobertos vestígios de vivências ancestrais do Homo Sapiens nas margens do Lago Turkana. Os Árabes chegaram ao Quénia com a intenção principal de usar este território a fim de melhorar a rota do comércio existente na África Oriental, no século VIII. Os povos Bantu e Nilótico estabeleceram-se aqui, sendo que os últimos ainda hoje existem, fazendo parte da maioria da população. Com a chegada dos portugueses no século XV, o domínio árabe entra em declínio, integrando o Quénia na rota comercial europeia. A partir do século XIX, a Coroa Britânica mostra interesse por este território, tornando-se o seu país colonizador em 1920, proibindo a população local de participar politicamente. Existe uma revolta emergente, atingindo a independência do país em 1963, onde um ano mais tarde, inclui-se na Commonwealth of Nations, uma associação de 54 países a fim de trabalharem num objectivo comum de democracia e desenvolvimento.

A geografia do Quénia conta com uma área territorial de 580 367 Km2, localizado na África Oriental. O Quénia faz fronteira a Norte com a Etiópia, a Leste com a Somália, a Noroeste com o Sudão do Sul, a Oeste com o Uganda, e a Sul com a Tanzânia e com o Oceano Pacífico. Encontramos na zona Ocidental um sistema de depressões, onde se localiza o Vale do Rift, o qual provém de dois grandes lagos – Lago Vitória e Lago Turkana. Este vale está rodeado por montanhas (algumas de origem vulcânica), onde podemos encontrar o Monte Quénia, o ponto mais alto do país, com 5 199 metros de altitude. No entanto, o Quénia é também representado por uma imensa extensão de planícies, localizadas a Leste e a Sul, tal como tem boas praias, savanas, desertos e florestas. A linha do Equador divide o país: a parte Sul pertence ao Hemisfério Meridional e a parte Norte ao Hemisfério Setentrional.

A cultura do Quénia é, na verdade, bastante multicultural, uma vez que tem cerca de 70 grupos culturais (tribos) a coexistirem no mesmo território, nomeadamente os Masai (os mais representativos, uma vez que vivem de forma bastante idêntica de como viviam há 1000 anos atrás), os Cambas, os Calenjins, os Quiculos, os Luo (vivem da pesca/agricultura, utilizando as técnicas ancestrais) entre outros. Uma vez que, outrora, foram uma colónia inglesa, apesar da imensa ruralidade presente existe uma fusão meio cosmopolita, uma herança bastante evidente por parte dos ingleses. O Inglês é a língua mais falada, embora cada tribo dê continuidade às suas tradições e costumes, tal como à sua língua e/ou dialecto. A religião mais presente é a cristã, se bem que existam também crentes do islamismo, hinduísmo, siquismo, judaísmo, baha’i, tal como outras religiões africanas locais. É de visitar o Museu Nacional, o Templo Jain, Snake Park e os Parques Nacionais do Monte Quénia e do Lago Turkan.

Magical Kenya

Vídeo promocional do Turismo do Quénia.

O que visitei / Resumo de viagem ao Quénia

Por ordem de visita.

Nairóbi, Quénia
Nairobi, QueniaNairóbi: foi fundada em 1899 e é a cidade com maior densidade populacional da África Oriental. A capital do Quénia é um grande centro económico e está construído nas margens do Rio Nairobi, a 1700 metros de altitude. A origem do seu nome provém de uma frase masai “Enkare Nairobi” que significa “Águas Gélidas”. Nairóbi tem o privilégio de poucas cidades – o Parque Nacional de Nairóbi localiza-se dentro do centro urbano, ou seja, tornou Nairóbi numa verdadeira atracção turística. Aqui podemos encontrar muitos animais selvagens como o leão, a girafa ou o rinoceronte, para além de uma grande variedade de aves. No fundo, é uma verdadeira cidade de contrastes, onde vemos de um lado um urbanismo próprio de uma cidade grande e logo próximo vemos animais selvagens a viver a sua vida calmamente. Outro tipo de contraste que vemos também é o económico, de um lado existem edifícios com lojas e hotéis de luxo enquanto que no outro lado vemos a maior favela do mundo, a “Kibera”.


Top 10 locais a visitar em Nairóbi:


  1. Museu Nacional de Nairóbi
  2. Parque Nacional de Nairóbi
  3. Centro de Girafas
  4. Casa Museu de Karen Blixen
  5. Museu Bomas do Quénia
  6. Museu Ferroviário
  7. Colinas Ngong
  8. Centro de Artesanato Kasuri
  9. David Sheldrick Wildlife Trust
  10. Catedral de Todos os Santos
David Sheldrick Wildlife Trust, Quénia
David Sheldrick Wildlife Trust, QueniaDavid Sheldrick Wildlife Trust: é um orfanato de elefantes e rinocerontes e que foi fundado em 1977 pela Dr. Dame Sheldrick, que o fez homenageando o seu falecido marido. David Sheldrick dedicou toda a sua vida à conservação da vida selvagem. Esta instituição engloba a conservação, preservação e protecção da vida selvagem. Na sua missão, defendem os direitos dos animais com campanhas anti-caça furtiva (devido ao marfim) através de acções pedagógicas. O projecto dos orfãos, conhecido mundialmente, permite que possam ajudar animais bebés desamparados. Até agora contam-se 150 elefantes que voltaram ao seu habitat natural sãos e salvos e conseguiu-se da melhor forma pois muitos turistas e amigos dos animais apadrinharam estes animais através de donativos no sentido de apoiar esta causa.


Top 10 locais a visitar em David Sheldrick Wildlife Trust:


  1. David Sheldrick Wildlife Trust

Roteiros no Quénia

Algumas ideias de roteiros para você preparar as suas férias no Quénia de maneira independente. Itinerários de turismo no Quénia seja de 3 dias, uma semana, 8 dias ou até 2 semanas.

6 Dias no Quénia
Dia 1 Nairobi
Dia 2 Lago Elmentaita – Centro de Conservação Soysambu
Dia 3 Masai Mara
Dia 4 Masai Mara
Dia 5 Museu Karen Blixen – Centro da Girafa
Dia 6 Nairobi

6 Dias no Quénia
Dia 1 Nairobi
Dia 2 Machakos
Dia 3 Mombasa
Dia 4 Mombasa
Dia 5 Malindi
Dia 6 Nairobi

10 Dias no Quénia
Dia 1 Nairobi
Dia 2 Nairobi– Parque Nacional Amboseli
Dia 3 Amboseli
Dia 4 Amboseli – Nanyuki – Reserva Natural Samburu
Dia 5 Samburu
Dia 6 Samburu – Centro de Conservação Ol Pejeta
Dia 7 Ol Pejeta – Lago Elmenteita
Dia 8 Lago Elmenteita – Lago Nakuru
Dia 9 Lago Elmenteita – Reserva Natural Maasai Mara
Dia 10 Maasai Mara

Locais UNESCO no Quénia
Estes são alguns dos melhores destinos para visitar no Quénia. Os locais UNESCO Património Mundial no Quénia são locais protegidos pela sua importância cultural e natural.

Locais inscritos na Lista do Património Mundial no Quénia:

  • Parque Nacional e Floresta Natural do Monte Quénia
  • Parques Nacionais do Lago Turkana
  • Antiga Cidade de Lamu
  • Kayas das Florestas Sagradas dos Mijikenda
  • Sistema de lagos do Quénia no Grande Vale do Rift
  • Forte Jesus de Mombaça

Kit de Viagem

« Onde reservo alojamento? Encontre os melhores hotéis e promoções através do Booking.com »
« Rent-a-car? Eu reservo sempre o meu carro online através do Rentalcars.com »
« Quer estar prevenido? Faça o seu seguro de viagem através do Worldnomads.com »
« Junte-se a um grupo! 7 dias em Marrocos 430 euros desde Marraquexe até ao Deserto do Saara através do Marrocos.com »
« Comprar bilhetes de monumentos e saltar as filas? Organize a sua viagem com antecedência através do Ticketbar.eu »
« Quer viajar e ter sempre Internet? Faça como eu e compre o aparelho da SkyRoam.com »

O autor do blog

VIVA! Sou o João Leitão. Viajante independente desde 1999, explorei mais de 130 países em África, Antártica, Ásia, Europa, América do Norte e Central, América do Sul e Oceânia. Bem-vindo ao meu blog de viagens, onde partilho dicas práticas de viagem para o motivar a sair de casa! Siga nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram, Pinterest e YouTube.

« Seguir no Instagram »