Senegal, República do Senegal

Partilhas
    Bandeira Senegal

    Bandeira do Senegal

  • Capital: Dakar
  • Língua oficial: Francês
  • Presidente: Abdoulaye Wade
  • População 2008: 13.343.424 habitantes
  • Moeda: Franco CFA
  • Área Total: 196.722 km²
  • Fuso horário: UTC+0
  • Código telefónico internacional: +221
  • Clima: Tropical
  • Visto: Não é preciso visto para cidadãos portugueses. É necessário passaporte
  • Fronteiras: Norte pela Mauritânia, a leste pelo Mali, a sul pela Guiné e pela Guiné-Bissau e a oeste pelo Oceano Atlântico e pela Gâmbia
  • Locais a não perder: Dakar, Ilha de Goré, Saint Louis, Parque Nacional de Tambacounda
  • Quando visitei o Senegal: Abril 2004
  • Mapa Senegal

    Mapa Senegal

Diário de Viagem do Senegal, República do Senegal

Fotografia de uma enorme árvore embondeiro no Senegal
Fotografia de uma enorme árvore embondeiro no Senegal

Barco senegales em Saint Louis no Senegal

Barco senegales em Saint Louis no Senegal

A minha história com o Senegal tem algo interessante.

Em Dezembro de 2003, enquanto descia a África Ocidental à boleia (carona), fiquei na fronteira do Senegal impedido de entrar, porque o jipe onde eu ia tinha mais de 4 anos de idade.

Voltei então mais tarde, em Março de 2004 com o meu carro e entrei então para visitar vários locais muito bonitos do país.

No âmbito de um projecto chamado “Évora Tambacounda 2004″, levei várias medalhas UNESCO Património Mundial da Humanidade da cidade de Évora (e muito material turístico da cidade), e fui entregando pelos presidentes da câmara (prefeitura) de várias cidades da Mauritânia, Senegal e Gâmbia.

Entrei então duas vezes no Senegal, uma vindo do Norte da Mauritânia, e outra depois de ter entrado e atravessado a Gâmbia.

O Senegal é um país muito interessante, com muita história e muita Natureza principalmente no Parque Niokolo Koba.

O que visitei / Resumo de viagem ao Senegal / Visitar o Senegal

Por ordem de visita.

Saint Louis Saint Louis: Cidade UNESCO Património Mundial situada numa ilha chamada também de Saint-Louis. Além de alguns edifícios grandes feitos pelos franceses, há imensos bairros da cidade com casas tradicionais baixas, e ainda o centro da cidade com casas coloniais muito bonitas. Saint-Louis como está numa ilha está toda rodeada por água, e na zona oeste tem bonitas praias.
Ndioum Ndioum: Esta é uma pequena aldeia localizada no rio Senegal. Fui aqui com um amigo meu senegalês para visitar sua família. Para se chegar aqui há uma estrada de terra e é preciso apanhar um barco para atravessar o rio. A aldeia é super isolada e toda feita em palhota.
Kaedi Kaedi: Esta é a cidade fronteiriça com o Mali. A cidade em si não é muito interessante, e tem muito lixo. O melhor nesta cidade é a hipótese de se ir à ponte do rio Senegal, e que é a fronteira Senegal / Mali – tem uma placa e tudo. Se pedir aos polícias de fronteira eles deixam ir.
Tambacounda Tambacounda: Esta é a maior cidade na região. Tambacounda é a entrada para Niokolo-Koba. Como vim aqui num projecto de contacto entre culturas, trouxe a medalha UNESCO Património Mundial da Câmara Municipal (prefeitura) de Évora para entregar ao presidente da cidade, fui então uma recepção oficial com jornalistas e tudo.
Parque Nacional de Niokolo-Koba Parque Nacional de Niokolo-Koba: Local UNESCO Património Mundial atravessado pelo Rio Gâmbia, este local de selva, mato e animais selvagens é muito bonita. Visitei vários locais do parque e avistei vários javalis, muitos hipopótamos, crocodilos, gazelas e milhares de macacos.
Dakar Dakar: Capital do país, confusa e cheia de gente. Os seus mercados cobertos são fascinantes. Dakar tem um charme caótico típico de qualquer grande cidade africana.
Ilha Goree Ilha Gorée: UNESCO Património Mundial, este é possivelmente o local mais bonito do Senegal. A Ilha de Goré fica a 40 minutos de barco a partir de Dakar. A viagem é muito bonita. A Ilha de Gorée foi dos maiores centros de comércio de escravos de África entre os séculos XV e XIX. Além das casas e arquitectura muito interessante, há ainda vários locais para visitar tais como a Fortaleza da Ilha de Goreia, o local do antigo canhão inglês. O navegador português Dinis Dias descobriu a Ilha de Gorée em 1444.
Partilhas

Deixe aqui o seu comentário:

19 thoughts on “Senegal, República do Senegal

  1. Srta Mell Zinha , tambem recebi a mesma proposta de uma garota que diz esta nesse campo de refugiados . Voce pode me dizer , quais eram as informaçoes que ela pedia e o que ela dizia sobre ela pra voce ? Estou muito inseguro quanto a essa ajuda que ela pede . Aguardo

  2. Mell Zinha diz:

    Quero ajudar uma moça chamada Miss jovita Gomez,que está no campo refugiado!
    O pai dela chama Gomez sango
    Ela dis que eu tenho que falar com os tal reverendo!
    Alguém pode me ajudará saber mais????

  3. oi Paula Torres eu estou em maos de uma historia sul real , de uma jovem q se encontra nesse campo de refugiados e esta querendo q eu a ajude a vir para o brasil , sera q podemos nos falar por email ai eu deixarei a par da minha situação e vc pode expor a tua para mim , em nme de JESUS , MEU EMAIL ferqpitt@outlook.com ela diz q seus pais forao mortos no sudao ih ela conseguiu escapar com documentos importantes de la !

  4. o celso amir eu estou em maos de uma historia sul real , de uma jovem q se encontra nesse campo de refugiados e esta querendo q eu a ajude a vir para o brasil , sera q podemos nos falar por email ai eu o deixarei a par da minha situação e vc pode expor a tua para mim , em nme de JESUS , MEU EMAIL ferqpitt@outlook.com

  5. meu email aos q me derem maiores imformaçoes ha esse respeito , ferqpitt@outlook.com

  6. alguem poderia por favor me imformar se em dakar existe um campo de refugiados e se existe um mnisterio da igreja redençao de cristo e se ha la um pr q atende pelo nome reverendo pr mike ebara ? sanen essa duvida por favor aos q tiveren essa autonomia , é muito urgente ! DEUS abnçoe !

  7. ¡Hola viajeros!

    Un poco tarde, pero a tiempo para ayudarte en el futuro.

    Si has sido estafado por una agencia de viajes o has resultado víctima de algún acto que haya mermado tus derechos, como consumidor turístico (estafas, cobro de precios no convenidos, fraudes, venta de productos falsos, etc.), entonces te interesa conocer lo que legistravel.com hace por ti. Échale un vistazo a nuestro sitio web.

    Y por favor, antes de cerrar la compra online de un paquete turístico o cualquier otro servicio, tómate unos minutos para investigar la reputación de aquél que te está haciendo la oferta. Y ante la duda, intenta adquirir productos ofertados por agencias de viaje que ostenten un sello de calidad turística u otra distinción asimilada.

    NO DEJES DE DEFENDER TUS DERECHOS, POR NADA. Es tu dinero y por ello es de justicia evitar que estafadores o prestadores irresponsables de servicios, se lo apropien sin derecho alguno.

    Gracias.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Pode usar estas etiquetas HTML e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>