Aprender Fotografia parte 9: Manter as Fotos em Segurança

APRENDER FOTOGRAFIA, Manter as Fotos em Segurança
APRENDER FOTOGRAFIA – Manter as Fotos em Segurança

Imagine que está quase a acabar uma travessia de três meses da América de Sul e apenas dois dias antes de voar de regresso a casa, o seu telemóvel, com o qual tirou fotografias de tantas peripécias, de tantas coisas belas, de tantos momentos únicos, desaparece. Roubado, perdido, não importa. Foi-se. E com ele, todas as imagens recolhidas.

Que tal?

A verdade é que é essencial garantir, dentro de um limite do razoável, que aconteça o que acontecer as suas fotografias de viagem não se perderão. Tem de haver cópias de segurança, e feitas de forma bem pensada. E quais as opções e melhores métodos para isso?

Vamos ver…

A Cloud

Os fotógrafos casuais, que usam dispositivos com resolução relativamente baixa e disparam pouco ao longo da viagem, têm a vida facilitada. Com esse perfil, poderão usar sem problemas um sistema como o Google Drive ou o Dropbox. Algo que funcione com base na Cloud, ou seja, que mantenha os seus ficheiros (de imagem e não só, claro) em segurança, nas mãos de especialistas.

De qualquer maneira, mesmo com fotografias com alta resolulão de de ficheiros muito grandes, havendo Internet disponível, é fácil e relativamente rápido enviar vários GB de informação para o Google Drive.

Para uma segurança acrescida: Use não um mas dois sistemas de cloud em simultâneo para manter duas vias das cópias de segurança.

Cartões de Memória ou Pen Drives

Quem tira mais fotos, sobretudo se forem obtidas por um dispositivo de resolução razoável (o que significa ficheiros maiores), terá dificuldades em depender de um sistema de Cloud para manter cópias de segurança.

É uma questão de fazer contas. Todos esses ficheiros terão que ser enviados através da Internet para uma conta que, por natureza, tem uma capacidade de armazenamento limitada. Mesmo que não haja problemas quanto à quantidade de dados que lhe é permitido enviar, tem que considerar o tempo que demorará a fazer o envio das fotografias.

Isto sem falar na necessidade de ter acesso à Internet. Não só um simples acesso, terá que ter uma velocidade razoável. E se isso não será problema quando se viaja em países Europeus ou noutros com condições tecnológicas avançadas, quem anda por terras mais remotas poderá passar dias sem ter oportunidade de se ligar à Internet. E quando o conseguir a velocidade pode ser totalmente inadequada para a missão a que se propõe.

Portanto será preciso encontrar outra forma de garantir que as suas imagens nunca se perderão para sempre.

E a maneira mais simples e económica de o fazer será comprando cartões de memória extra ou pen drives, e copiar para elas, todos os dias, as fotografias que for tirando. Quantas e com quanta capacidade é algo que cada um saberá, de forma individual. Pessoas diferentes tiram números diferentes de fotos, viajam por períodos mais ou menos prolongados e usam dispositivos cujos ficheiros serão menores ou maiores.

Uma vantagem desta opção é que é facilmente escalável. Se alguns dos factores se modificar, poderá comprar mais cartões ou pen drives.
Uma desvantagem é que ou leva consigo um pequeno computador ou terá que procurar com frequência um estabelecimento do tipo cyber café onde possa efectuar as cópias. E em alguns países não são nada fáceis de encontrar.

Para uma segurança redobrada: Se quiser investir um pouco mais, pode ir criando segundas cópias de segurança e enviar, por correio, para casa.

Cartões de Memória de Alta Capacidade + Computador com Disco Rígido

Esta opção consiste na utilização de um cartões de memória de alta capacidade, que manterá na câmara e que lhe permitirá percorrer toda a viagem armazenando sempre as fotografias que tirar e, ao fim de cada dia, copiará as novas imagens para o disco rígido do computador que levar consigo.

Um problema a ultrapassar será encontrar um computador adequado. As máquinas modernas tendem a ter apenas memória SSD, de capacidade de armazenamento limitada e totalmente inapropriada para estes fins. E computadores com disco rígido são geralmente maiores e mais pesados.
Para uma segurança redobrada: Às duas vias adicione uma terceira usando um ou dois cartões de memória ou pen drives de alta capacidade.

Disco Rígido Externo

Quem precisa mesmo de muito espaço de backup pode usar um método simples: levar um disco rígido externo. A vantagem principal deste método e a natureza virtualmente infinita do espaço para backups e se viajar com um computador pode usar o disco para outras coisas. Quanto a desvantagens, é mais uma coisa para levar consigo e não é especialmente económico.

Tenha em consideração que os discos baseados em memória SSD são mais caros e oferecem menos espaço, mas têm algumas vantagens: o peso menor, a incrível rapidez e a inexistência de elementos mecânicos, o que os torna mais robustos e propensos a falhas indesejadas.
Note que não necessita obrigatoriamente de usar com um computador. Existem equipamentos no mercado desenhados para estes fins que são autónomos. Os modelos mais avançados recebem os dados directamente por cabo ou por cartão de memória e têm wi-fi integrado. Se optar por esta hipótese aconselho a gastar mais um pouco e a comprar um disco desenhado para aguentar impactos e exposição a condições climatéricas adversas – chuva, frio e calor extremos e muita poeira.

Para uma segurança redobrada: combinar com cartões de memória ou pen drives e, melhor ainda, obter uma redundância tripla usando cartões de memória de alta capacidade de armazenamento, que consigam conter todas as fotografias que tirar na viagem.

Um passo adiante…

Uma coisa que pode fazer mas que nem sempre é possível, é ir pedindo a pessoas que eventualmente conheça ao longo do caminho, para copiar para um computador as suas fotografias. Chegando a casa, comunica que está tudo bem e que podem apagar os dados. Não é um método de base mas pode ser mais um nível de segurança.

Menu Aprender Fotografia:

  1. Introdução à Fotografia de Viagem
  2. ISO, Velocidade do Obturador e Abertura da Lente
  3. Profundidade de Campo, Temperatura e Balanço
  4. JPG ou RAW?
  5. Composição
  6. Equipamento Fotográfico
  7. Acessórios para fotografar
  8. Software para Fotografia
  9. Manter as Fotos em Segurança
  10. Temas para Fotografar em Viagem
  11. Fotografar em Preto e Branco
  12. Dicas para fotografar melhor
  13. Partilhar as Suas Fotos na Internet
  14. Grandes Fotógrafos de Viagem
  15. Destinos Essenciais para Fotografar