Tajiquistão, República do Tajiquistão

  • Capital: Duchambe
  • Língua oficial: Tajique
  • Presidente: Emomali Rakhmov
  • População 2007: 7.349.145 habitantes
  • Moeda: Somoni
  • Área Total: 143.100 km²
  • Fuso horário: UTC+5
  • Código telefónico internacional: +992
  • Clima: Semiárido
  • Visto: Portuguese e brasileiros precisam de visto. Pode-se fazer o visto no aeroporto quando se chega de avião
  • Fronteiras: Afeganistão a sul, o Uzbequistão a oeste, Quirguistão a norte e a República Popular da China a leste
  • Locais a não perder: Duchambe, Lago Iskanderkul, Pançakent, Sagirdas Pass, Khorugh, Ishkashim, Langar, Murgab, toda a Pamir Highway

Diário de Viagem do Tajiquistão, República do Tajiquistão

Caminho até à cidade de Kalaichum no Tajiquistão
Caminho até à cidade de Kalaichum no Tajiquistão

Montanhas na aldeia de Tavildara no TajiquistãoO Tajiquistão é um país um pouco desconhecido pela maioria dos viajantes. Este país é também um dos menos visitados da Ásia Central.

O Tajiquistão é um país muito interessante com uma cultura tajique única na região.

O país é muito pobre e basicamente não está nada desenvolvido a nível de infra-estruturas. Simplesmente não há estradas que ligam as diversas regiões do país, fazendo assim muito difícil viajar.

Duchambe no TajiquistãoA capital do Tajiquistão é chamada de Duchambe, e, sinceramente fiquei impressionado com os monumentos bonitos existentes na cidade. Comparando com o resto do país, Duchambe está mais desenvolvida.

Há assim espalhados pela capital, imensos monumentos para visitar no centro da cidade, pode-se ir ao teatro, passear pelos jardins, e explorar os museus existentes.

Khorug na Região Autónoma de Gorno-BadakhshanO Tajiquistão tem zonas de paisagem impressionantes, tais como toda a Região Autónoma de Gorno-Badakhshan, também a zona norte do país junto ao Lago glaciar de Iskanderkul.

Toda a linha de fronteira com o Afeganistão de Khorugh e Ishkashim até Langar são lindas e, apesar de serem um pouco inacessíveis, aconselho a serem visitadas. É muito interessante porque se pode ver aldeias afegãs mesmo ali, já do outro lado do rio com pessoas vestidas de maneira diferente inclusive mulheres com burca.

Estrada desde Murgab até Langar no TajiquistãoVisitei o Tajiquistão saindo e entrando algumas vez do país. Fiz então durante 10 dias durante o Central Asian Rally; depois a minha namorada veio ter comigo a Duchambe onde ficamos mais uma semana, depois eu saí e fui viajar no Afeganistão, voltei mais uma vez depois de passar pelo Uzbequistão.

Depois voei até ao Irão, e passadas mais duas semanas entrei de novo no Tajiquistão. Tenho então assim 3 entradas no país. Fiz o visto 2 vezes sendo o meu primeiro visto para 2 entradas – “double entrance”.

Vídeo de música Tajique, Nigina Amonkulova

Joao Leitao in Sahara Desert Acerca do João Leitão - o autor deste blogue
Sou uma espécie de viciado em viagens, maníaco pela fotografia e cidadão do mundo. Habituado a viajar desde pequeno, morei em muitos lugares e viajei por mais de 100 países e territórios em todos os continentes. Este site é um arquivo das minhas dicas de viagem e crónicas de aventuras para o inspirar a explorar o mundo por conta própria. Artista plástico de formação, rendi-me ao mundo e a partilhar experiências de viagem CONSIGO.
★ Siga-me no Google+, Facebook e no Twitter. Espreite as minhas melhores experiências de viagem.

Deixe o seu comentário aqui:

Os comentários do blogue são via facebook. Para comentar você tem que estar logado lá!