🐪 Venha conhecer Marrocos « Viagem de grupo 7 dias por 430 Euros » Marrakech até Deserto do Saara 🐪

Visitar Gibraltar: Melhores destinos e roteiro de viagem

João Leitão
Actualizado em 25 Julho, 2018
Visitar Gibraltar – Roteiros e Dicas de Viagem

Visitar Gibraltar – Roteiros e Dicas de Viagem

Guia de Viagem de Gibraltar

Viajar em Gibraltar – informação de viagem.

Tudo sobre visitar os melhores locais e destinos de Gibraltar. Ideias de roteiros e itinerários com informação de alojamento, transporte, muitas galerias de fotografias, restaurantes, vídeos e mapas.

Organize as suas férias em Gibraltar. Alguma pergunta ou opinião deixe um comentário no fim da página.

Nesta página você encontra:

  1. Gibraltar – Informação prática
  2. Turismo em Gibraltar – Apresentação
  3. História, Geografia e Cultura
  4. Clima e Quando ir
  5. Vídeo de Gibraltar
  6. Resumo de viagem a Gibraltar
  7. Guia de Viagem: artigos para consultar
  8. Roteiros em Gibraltar – 1, 2 e 3 dias
  9. Locais UNESCO em Gibraltar
  10. Kit de Viagem

Obrigado.

Território britânico ultramarino de Gibraltar

Bandeira Gibraltar

Bandeira de Gibraltar

  • Capital: Gibraltar
  • Língua oficial: Inglês
  • Governador: Sir Adrian Johns
  • Primeiro-ministro: Fabian Picardo
  • População 2008: 29.431 habitantes
  • Moeda: Libra de Gibraltar
  • Área Total: 6.8 km²
  • Fuso horário: UTC­+1 a +2
  • Código telefónico internacional: +350
  • Clima: Mediterrânico
  • Visto: Não é preciso visto
  • Fronteiras: Espanha
  • Locais a não perder: Trafalgar Cemetery, Nelson’s Anchorage, One Hundred Ton Gun, Parson’s Lodge, Gibraltar War Memorial, Great Siege Tunnels, macacos à solta, St Michael’s Cave, Castelo Mouro, World War II Tunnels, The Gibraltar Museum, Cathedral of St Mary the Crowned, Anglican Cathedral of the Holy Trinity, King’s Chapel, Mesquita na Europa Point
  • Quando visitei Gibraltar: Fevereiro 2008
Mapa Gibraltar

Mapa da localização geográfica de Gibraltar no Mundo

Turismo em Gibraltar, Roteiros de Viagem

Macaco selvagem no topo do Rochedo, Visitar Gibraltar

Macaco selvagem no topo do Rochedo, Visitar Gibraltar

Tive a oportunidade de visitar Gibraltar em 2008 durante a vinda da viagem a Marrocos.

Aproveitei assim o facto de viajar em Marrocos de carro, e ter que voltar para Portugal, para desviar o caminho durante 2 dias e ir visitar Gibraltar.

Gibraltar é um local muito interessante, com uma cultura e história muito britânica mas, localizado no sul da Península Ibéria.

É engraçado ver também como essa cultura britânica se misturou e criou uma cidade única em que se sente o exotismo da mistura.

Gibraltar é um destino pequeno e dá para ver perfeitamente em 2 ou 3 dias.

Há muitos monumentos militares, alguns museus, os túneis na montanha, os macacos, e a zona chamada Europe Point que tem um farol e uma mesquita gigante oferecida pela Arábia Saudita.

Gibraltar corresponde na realidade a uma pequena península com uma pequena fronteira terrestre a norte com a Espanha.

Gibraltar é limitada pelo Mar Mediterrâneo no Estreito de Gibraltar e pela Baía de Gibraltar já no Atlântico.

É então um ponto geográfico estratégico muito importante sendo assunto de disputa entre o Governo Espanhol e o Governo do Reino Unido.

Apresentação da História, Geografia e Cultura:

Vista de GibraltarA história de Gibraltar tem início há cerca de 100 mil anos a.C., data que marca os primórdios da ocupação humana neste território. Começou por ser habitada pelos homens neandertais, mas mais tarde, estabeleceram-se aqui povos como os cartagineses, romanos, muçulmanos e espanhóis. Os mouros, já estabelecidos no Norte de África – Marrocos, foram expandindo o seu território, entrando na Europa, mais propriamente na Península Ibérica. No entanto, em 1462, os espanhóis de origem católica, reconquistaram a Espanha e expulsaram os muçulmanos com sucesso. Em 1704 Gibraltar foi entregue à Grã-Bretanha, no Tratado de Utrecht, sob forma de pagamento da Guerra da Sucessão Espanhola, o qual referia que a total propriedade da cidade e castelo de Gibraltar, tal como o porto, fortificações e fortes, ficariam sobre o poder dos britânicos. Mas esta situação não invalida, naturalmente, a relação estreita entre Gibraltar e Espanha. Durante os tempos da ditadura, as duas partes não estabeleciam comunicação, resultando em fronteiras comerciais fechadas a mando de Franco.

A geografia de Gibraltar conta com a área territorial de 6,5 Km2, representa uma pequena península localizada no Sul da Península Ibérica. Faz fronteira a Norte com Espanha, através de uma pequena e estreita porção de terra, sendo que é ao longo de 12 Km de costa, limitado pelo Mar Mediterrâneo, Estreito de Gibraltar (canal de água que liga o Oceano Atlântico ao Mar Mediterrâneo) e pela Baía de Algeciras. As fronteiras foram decididas no Tratado de Utrecht, que apesar de ter definido a zona terrestre, não deu o controle das águas territoriais que cercam Gibraltar. O cenário paisagístico é composto, essencialmente, por um rochedo enorme localizado ao centro da península, denominado por Rochedo de Gibraltar, que conta com 426 metros de altitude. Gibraltar tem uma área protegida, a Upper Rock Nature Reserve e as Grutas de St Michael que se localizam a 300 metros abaixo do nível do mar.

Centro de GibraltarA cultura de Gibraltar sempre foi dependente de uma constante passagem pelos mais variados povos, uma vez que fica localizado entre a Europa e África. Esta península, apesar de ser um território britânico onde internamente é regido pelo governador de Gibraltar, embora o chefe de estado seja a Rainha Elizabeth II, recebe imensas influências vindas de Espanha, país bastante importante para o fornecimento de água e de recursos aqui escassos, tal como é bastante influenciado pelo Norte de África. É assim um ponto de passagem de muitos turistas e emigrantes ilegais (via o Estreito de Gibraltar), onde existe uma mistura bastante interessante da língua espanhola e a cultura inglesa. Encontramos aqui uma grande variedade de comércio, onde é comum encontrar artesãos e lojas de couro e de jóias numa imensa avenida, onde tem equipamentos turísticos preparados para receber os seus visitantes. O Upper Rock Nature Reserve é uma área protegida de visita obrigatória e não deixe de beber um bom chá em qualquer canto de Gibraltar.

Clima e Quando ir:

Para saber quando ir a Gibraltar você precisa de se informar um pouco melhor acerca das suas estações e clima. A melhor altura para visitar Gibraltar é entre os meses de Abril a Outubro, época ideal para desfrutar de temperaturas amenas e tempo seco.

O clima de Gibraltar é do tipo mediterrâneo, representado por temperaturas suaves no Inverno e quentes no Verão. A época chuvosa ocorre entre os meses de Novembro e Março, surgindo raramente no resto do ano. As temperaturas no Verão, entre Abril e Outubro, vão dos 15º C aos 25º C, enquanto que no Inverno a mais baixa é de 10º C e a mais alta 17º C.

Gibraltar – Much More than you Can Imagine

Vídeo promocional do Turismo de Gibraltar.

O que visitei / Resumo de viagem a Gibraltar

Por ordem de visita.

Centro da cidade de Gibraltar
GibraltarGibraltar City: O centro da cidade de Gibraltar tem um legado histórico que é visível por toda a parte. Foi palco de toda a história da humanidade, desde a idade da pedra à Segunda Guerra Mundial. Estamos dentro de uma cidade fortificada, que através de uma muralha alta, representa a presença dos árabes, espanhóis e ingleses ao longo dos últimos 800 anos. A Catedral de Santa Maria foi construída a mando dos espanhóis no século XV, tendo sido destruída no século XVIII e reconstruída um século mais tarde. A invasão dos árabes na Europa começou por Gibraltar, no ano 711, por Taril Ibn Ziyad. O Castelo dos Mouros é um conjunto de vários edifícios e no ponto mais alto, encontramos a Torre de Homenagem por dentro de construções de edifícios mais modernos. A Praça Casemates, é uma praça que serve como ponto de encontro de quem lá vive e de visitantes com muitos cafés, restaurantes e espaços de diversão nocturna. O Museu de Gibraltar é de visita obrigatória a fim de conhecer a história de Gibraltar. Foi construído sobre casas de banho árabes do século XIV e logo à entrada podemos ver um pequeno documentário sobre a história de Gibraltar. Para além do primeiro crânio neandertal encontrado na Europa estar em exposição, podemos encontrar colecções de diferentes povos tal como os seus utensílios, armas e animais.


Top 10 locais a visitar em Gibraltar City:


  1. Castelo dos Mouros
  2. Praça Casemates
  3. Museu de Gibraltar
  4. Catedral de Santa Maria
  5. Complexo de muralhas defensivas
  6. Edifício do Parlamento de Gibraltar
  7. Catedral da Sagrada Trindade
  8. Grande Sinagoga
  9. Memorial de Guerra Americano
  10. Chatham Counterguard
Catedral da Sagrada Trindade
Catedral da Sagrada Trindade, GibraltarCatedral da Sagrada Trindade: Mais informação brevemente.??


Top 10 locais a visitar em Catedral da Sagrada Trindade:


  1. Catedral da Sagrada Trindade
Farol na Ponta da Europa
Farol na Ponta da EuropaFarol na Ponta da Europa: situado em Gibraltar, é o único farol inglês fora do Reino Unido. Apesar de não existirem muitas informações acerca da sua construção, sabe-se que a primeira pedra foi colocada pelo governador Woodford em 1838. Encontra-se ainda em actividade e serve de apoio aos marinheiros e/ou navegadores que aqui chegam. Chega a iluminar até 30 milhas de distância. Aqui, considerado um local sagrado, faziam-se oferendas à Virgem Maria, a fim de agradecer mais uma bem sucedida travessia no mar.


Top 10 locais a visitar no Farol na Ponta da Europa:


  1. Farol na Ponta da Europa
  2. Estreito de Gibraltar
  3. Mesquita Ibrahim-al-Ibrahim
  4. Santuário de Nossa Senhora da Europa
  5. Poço da Freira
  6. Bateria de Harding
  7. Europa Sunken Magazine
Túneis do Grande Cerco
Túneis do Grande CercoTúneis do Grande Cerco: uma pequena península é na verdade um enorme rochedo. Os espanhóis e os franceses disputaram esta terra incansavelmente. Gibraltar, para se defender, mandou construír túneis para o armazenamento de armamento com o intuito de defender este território. Com 113 metros e mais tarde, durante a Segunda Guerra Mundial, mais 52 quilómetros, os Túneis do Grande Cerco, foram o mecanismo melhor concebido de defesa de guerra. Visite este impressionante feito pelo Homem, tal como o seu museu, vai ficar impressionado.


Top 10 locais a visitar nos Túneis do Grande Cerco:


  1. Túneis do Grande Cerco
Museu de Gibraltar
Museu de GibraltarMuseu de Gibraltar: é um museu nacional de história, cultura e de história natural. Foi inaugurado no ano de 1930 pelo General Sir Alexander Godley, o governador de Gibraltar na altura. O Museu foi construído por cima de uma casa de banho árabe do século XIV, a qual tem uma sala de temperatura normal para os banhistas se despirem, mais uma sala fria e uma sala quente. Encontra-se em exposição o primeiro crânio neandertal encontrado na Europa, no século XIX, tal como utensílios desde a pré-história. São aqui apresentadas, também, colecções das variadas civilizações que constribuiram para a história do Rochedo.


Top 10 locais a visitar no Museu de Gibraltar:


  1. O Grande Cerco
  2. Biodiversidade marinha
  3. História natural e pré-história
  4. O Rochedo
  5. Cinema
  6. Escavações arqueológicas
  7. Banhos mouros
  8. História de Gibraltar
  9. Galeria Calpe
Catedral de Santa Maria
Catedral de Santa MariaCatedral de Santa Maria: apesar ter sido construída no período espanhol, situa-se no território britânico de Gibraltar. Aquando da conquista de Gibraltar aos mouros, a mesquita foi substituída e reconhecida como igreja paroquial. Hoje em dia, os únicos elementos mouros neste monumento são as duas colunas de pedra interior e o mosaico no pátio de entrada (antes conhecido como o Patio de los Naranjos). Em 1790, o governador Robert Boyd foi o responsável pela recontrução da catedral, após ter ficada muito danificada entre 1779-1983. O relógio e a torre sineira foram oferecidos por Ferdinand II e Isabel I, e foram colocados no ano 1820. A fachada na parte ocidental, foi reconstruída em 1931.?


Top 10 locais a visitar na Catedral de Santa Maria:


  1. Catedral de Santa Maria
Gruta de St. Michaels
Gruta de St. MichaelsGruta de St. Michaels: é uma caverna imensamente bonita que recebe milhares de visitantes devido aos escritos do diário de viagem de Roman Pomponius Melia, escrito no ano 45 a.C.. Esta gruta situa-se a 300 metros acima da linha do mar, e aqui podemos contemplar incríveis formações de estalagmites e estalactites. O ex libris desta caverna é, sem dúvida, o Salão da Catedral. As formações minerais fazem lembrar um orgão de tubos de uma sé ou catedral. Este salão serve como uma espécie de auditório que, por incrível que pareça, é um local excelente para assistir um concerto de música clássica, tornando esta visita muito mais emocionante. ?


Top 10 locais a visitar na Gruta de St. Michaels:


  1. Gruta de St. Michaels
Canhão 100 Ton Gun
Canhão 100 Ton GunCanhão 100 Ton Gun: foi construído no reinado da Rainha Vitória no século XIX, considerado um dos canhões mais pesados do mundo. Conhecido como o Victorian Supergun, o Reino Unido, construíu outro idêntico em Malta. É uma autêntica prova de modernização que a empresa inglesa Armstrong & Co mostraram ao mundo militar. Foi uma forma de a Inglarerra assumir o seu poder militar no Mediterrâneo, pois Gibraltar ficava a caminho e num ponto estratégico na rota para a Índia. Este canhão proporcionou a Gibraltar um imenso reforço de defesa a este requisitado território, tornou-se numa verdadeira fortaleza. Sendo um grande ponto de atracção para muitos visitantes com interesse no Turismo Militar, aqui, ao lado deste artifício de guerra, consegue-se ter uma percepção real da relação entre o canhão e a estratégia de defesa perante o mar e o território terrestre onde se encontra.


Top 10 locais a visitar no Canhão 100 Ton Gun:


  1. Canhão 100 Ton Gun

Macaco-de-gibraltar
Macaco-de-gibraltarMacaco-de-gibraltar: ou Macaca Sylvanus é um pequeno quadrúpede com cerca de 75 centímetros de comprimento, que vive em liberdade no Rochedo de Gibraltar. Adoram comer fruta, folhas, raízes e insectos e vivem numa estrutura matriarcal. Estes macacos, são excepcionais pois são das poucas espécies que vivem num clima ameno ou mais frio e esta comunidade de Gibraltar é a única sobrevivente fora de cativeiro no mundo. Para além disso, o Macaco-de-Gibraltar é a única espécie de macacos na Europa. São animais completamente livres, à semelhança do Homem. São, também, extremamente inteligentes, e sabem que se “mendigarem” comida que conseguem sempre comer. Por vezes chegam a roubar comida aos turistas que os visitam criando sempre situações engraçadas e bastante animadas entre eles.


Top 10 locais a visitar Macaco de Gibraltar:


  1. Macaco de Gibraltar

Gibraltar Curiosidades

“Colunas de Hércules é o nome dos promontórios que existem à entrada do estreito de Gibraltar, um em África (o monte Hacho) e outro na Europa (o rochedo de Gibraltar).

O nome provém da mitologia grega, em que se conta que Hércules para realizar um de seus doze trabalhos, teria necessidade de transpor um estreito marítimo. Dispondo de pouco tempo, resolveu abrir o caminho com seus ombros ligando assim o Mar Mediterrâneo ao Oceano Atlântico. De um lado, ficou um grande rochedo, mais tarde chamado Gibraltar (monte Calpe) e do outro lado o monte Hacho (Abília), a leste de Ceuta. Os dois montes depois de separados passaram a ser denominados “Colunas de Hércules”, ou “Pilares de Hércules”. Este marco foi ultrapassado pelos fenícios e por suas rotas marítimas, quando buscavam matéria-prima para a manufactura de tecidos, vidros, etc., para comerciar com o Egipto.”

Source: WIKIPEDIA

Bandeira de Gibraltar

Bandeira de Gibraltar

Bandeira de Gibraltar

Bandeira de Gibraltar é a bandeira oficial do território de Gibraltar. A bandeira com o Brasão do território foi concedida pelos reis Fernando e Isabel de Espanha em 1502 e confirmada como bandeira oficial pelas autoridades britânicas em 1936. O castelo e a chave representam a importância estratégica da fortaleza de Gibraltar como chave do mar Mediterrâneo.

Enclave / Exclave

Em geografia, um enclave é um território totalmente cercado por um território estrangeiro. Se um outro país tem soberania sobre ele, pode-se também chamar este país de exclave.

Um tal território é assim:

  • um enclave do território estrangeiro que o cerca
  • um exclave do país que usufrui da soberania sobre ele

Outros exemplos que não podem ser tecnicamente considerados enclaves são os territórios atingíveis por águas internacionais, como os casos de Oecussi-Ambeno (Timor-Leste), as cidades de Ceuta e Melilla (Espanha), Gibraltar (Reino Unido) Cabinda (Angola), Kaliningrado (Rússia) e a zona de Dubrovnik, na Dalmácia (Croácia).

No entanto, se a linha de costa for significativa em termos de comprimento, o país não é tido por enclave; exemplos são os casos de Portugal (só tem fronteira com Espanha), Coreia do Sul (só tem fronteira com a Coreia do Norte).

Roteiros em Gibraltar

Algumas ideias de roteiros para você preparar as suas férias em Gibraltar de maneira independente. Itinerários de turismo em Gibraltar seja de 1, 2 ou 3 dias.

1 Dia em Gibraltar
Pilar de Hercules
Portão dos Judeus
Gruta de St Miguel
Visita aos Macacos de Gibraltar
Subir ao topo do Monte

2 Dias em Gibraltar

Visita aos Macacos de Gibraltar
Centro da Cidade
Catedral de Santa Maria
Museu de Gibraltar
Catedral da Santa Trindade
Canhão 100 Ton Gun

3 Dias em Gibraltar

Ponta da Europa
Farol da Trindade
Pilar de Hercules
Portão dos Judeus
Gruta de St Miguel
Visita aos Macacos de Gibraltar
Subir ao topo do Monte
Castelo dos Mouros
Torre de Menagem
Canhão 100 Ton Gun
Catedral da Santa Trindade
Museu de Gibraltar
Centro da Cidade
Catedral de Santa Maria

Locais UNESCO em Gibraltar
Estes são alguns dos melhores destinos para visitar em Gibraltar. Os locais UNESCO Património Mundial em Gibraltar são locais protegidos pela sua importância cultural e natural.
Locais inscritos na Lista do Património Mundial em Gibraltar:

  • Gibraltar não tem sítios UNESCO Património Mundial da Humanidade.

Kit de Viagem

« Onde reservo alojamento? Encontre os melhores hotéis e promoções através do Booking.com »
« Rent-a-car? Eu reservo sempre o meu carro online através do Rentalcars.com »
« Quer estar prevenido? Faça o seu seguro de viagem através do Worldnomads.com »
« Junte-se a um grupo! 7 dias em Marrocos 430 euros desde Marraquexe até ao Deserto do Saara através do Marrocos.com »
« Comprar bilhetes de monumentos e saltar as filas? Organize a sua viagem com antecedência através do Ticketbar.eu »
« Quer viajar e ter sempre Internet? Faça como eu e compre o aparelho da SkyRoam.com »

O autor do blog

VIVA! Sou o João Leitão. Viajante independente desde 1999, explorei mais de 130 países em África, Antártica, Ásia, Europa, América do Norte e Central, América do Sul e Oceânia. Bem-vindo ao meu blog de viagens, onde partilho dicas práticas de viagem para o motivar a sair de casa! Siga nas redes sociais: Facebook, Twitter, Instagram, Pinterest e YouTube.

« Seguir no Instagram »